Bienal de Arte Pública arranca hoje em quatro cidades portuguesas

caja-negra-f22São mais de 600 obras de arte contemporânea de 246 artistas nacionais e internacionais consagrados e emergentes as que estarão expostas a partir de hoje, e até 15 de Agosto, nas ruas e avenidas de quatro cidades portuguesas: Lisboa, Grândola, Portimão e Vila Real de Santo António. Para além disso, um conjunto de exposições colectivas estarão patentes no interior de espaços como o Pavilhão de Portugal, no Parque das Nações, em Lisboa. A iniciativa, orçada em dois milhões de euros, tem por nome Bienal Portugal Arte 10 e é um projecto da Associação Portugal Arte, que tem como principal parceira a Fundação edp.

A Bienal, dirigida artisticamente por Stefan Simchowitz, estrutura-se em oito exposições colectivas, dirigidas por alguns dos mais reconhecidos artistas e curadores mundiais, cada uma relacionada com diferentes temas da vida contemporânea. A pesquisa e selecção dos trabalhos que a integram foi realizada através de um modelo curadorial aberto, internacional e descentralizado.

 

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estes 10 benefícios vão ser os mais desejados pelos colaboradores em 2020
Automonitor
Os peculiares protótipos que a Daihatsu vai levar a Tóquio