Optimistas do fazer

Num destes dias, perguntaram-me como é que eu fazia para me manter criativa durante a pandemia. Demorei algum tempo para encontrar a resposta. A pandemia não tinha sido muito criativa para mim, pelo menos no início. A meados de Março, o meu…

A vida que queremos viver

É claro que tudo se faz. E que nos adaptamos a tudo. E que o ser humano é capaz de provas disso nas situações mais inesperadas, conturbadas, desesperadas. Mas não é disso que trata a vida que queremos viver.

As fases da quarentena vistas do meu sofá

Está na altura de voltarmos a fazer o nosso trabalho. O da criatividade que faz mover os negócios, o do marketing que impulsiona as vendas e faz mover a economia.

Da ciência

Se são úteis e importantes? Claro que sim. Mas valem pela qualidade da interpretação, sempre, e nunca per se. E, mais ainda, da qualidade do interpretante.

Quatro ou cinco palavras sobre o Pedro Bidarra

Este ano, a Folha em Branco do Clube de Criativos é sobre o Pedro Bidarra. Por duas razões: pela importância que as palavras têm na comunicação e pela importância que o Pedro Bidarra teve na publicidade portuguesa.