Primeiro português aos comandos da Autoeuropa

autoeuropa1O futuro director-geral da Autoeuropa, António Melo Pires, é o primeiro português a assumir a liderança da fábrica da Volkswagen em Portugal.

Em funções a partir do dia 1de Setembro, António Melo Pires irá substituir, o actual, Andreas Hinrichs nas funções de director-geral e membro do Conselho de Gerência na Volkswagen Autoeuropa. Uma alteração que se insere na política de mobilidade de quadros de direcção que o grupo pratica nas suas unidades industriais. Por sua vez, Andreas Hinrichs vai integrar o conselho de administração da Volkswagen Brasil.

António Melo Pires assume funções no ano em que a empresa se propõe a aumentar a produção em 20%, com a meta de fabricar mais de 100 mil viaturas.

Licenciado em Engenharia Mecânica pelo Instituto Superior Técnico, António Melo Pires iniciou a carreira na Volkswagen em 1992 na fábrica de Palmela, onde trabalhou durante 11 anos. Acabaria por sair mais tarde, aceitando o desafio de assumir a direcção da Área de Prensas e Carroçarias na Volkswagen Navarra, em Espanha. Em 2006 assume a direcção da fábrica de São Bernardo do Campo, São Paulo, no Brasil, e em 2007 foi nomeado director da fábrica de Curitiba, no Estado do Paraná, também no Brasil.

Recorde-se que a fábrica da Volkswagen Autoeuropa em Palmela atingiu no primeiro semestre deste ano 47,6% da produção a que se propôs para 2010. Factor que deverá marcar o regresso da marca à produção de 100.000 viaturas anuais. Segundo dados avançados à agência Lusa pelo Gabinete de Relações Públicas e Assuntos Governamentais da empresa, até junho saíram da fábrica portuguesa 47.572 automóveis dos quatro modelos ali produzidos: 26.252 VW Scirocco (Coupé), 15.783 VW Eos (Cabrio), 3.112 Seat Alhambra e 2.425 VW Sharan.

 
Inaugurada em 1995, num investimento total de 1.970 milhões de euros, a Autoeuropa tem capacidade instalada de 197.800 carros/ano, mas em 2009 a produção ficou-se pelas 86.008 viaturas.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual