SCC atinge quota de 45,7% com Sagres

central-de-cervejasNum mercado que decresceu 3,3% em 2009, a SCC conseguiu manter um crescimento sustentado, totalizando 445.8 milhões de euros (valores ainda não auditados) nas vendas de cervejas, águas e refrigerantes, mais 3,7% do que em 2008. O valor das vendas das exportações aumentou 5,2% face a 2009, com especial enfoque para o mercado angolano.

O aumento de quota de mercado nas cervejas foi fundamental para este crescimento, sendo, de acordo com dados Nielsen, de 45,7% (quota em valor) para a marca Sagres, contra 43,8% no ano anterior. Já a cerveja Heineken atinge uma quota de 0,7% face aos 0,4% do ano anterior e a Água de Luso regista uma descida para os 17,5% (18,4% em 2008), decréscimo que resulta, sobretudo, do crescimento das marcas de distribuição nesta categoria.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Que propósito move os profissionais?
Automonitor
EMEL deixa mais de 120 pessoas à espera de lugar por causa de artista