Bruxelas aprova venda da Ana ao Grupo Vinci

ANAA Comissão Europeia autorizou hoje a aquisição da Ana – Aeroportos de Portugal pelo grupo francês Vinci, após ter concluído que a operação de privatização, prevista no programa de assistência financeira, não viola as regras comunitárias da concorrência. A operação permitirá ao Estado português transferir as acções da gestora aeroportuária para o novo accionista, que ficará com a concessão dos aeroportos nacionais por 50 anos.

“A investigação da Comissão Europeia apurou que a transacção não levanta problemas de concorrência”, refere uma nota publicada no site da Comissão Europeia.

A Vinci foi seleccionada, entre quatro candidatos, para comprar a ANA no final de Dezembro de 2012, sendo que o contrato entre o Estado português e o grupo francês foi assinado no início de Fevereiro deste ano. Com a luz verde da Comissão Europeia, a operação, avaliada em 3080 milhões de euros, poderá agora ser concluída. De acordo com o jornal Público, 100 milhões de euros entraram já nos cofres públicos, a título de sinal.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual