Recordes tecnológicos no Meo Sudoeste

A 23.ª edição do Meo Sudoeste voltou a bater recordes ao nível de dados, tendo sido partilhados, em tempo real, 16 terabytes de conteúdos através da rede Wi-Fi da Altice Portugal, superando os 11 registados no último ano.

Para esta edição, a Meo produziu 700 conteúdos que geraram sete milhões de visualizações de vídeo, dando origem a 400 mil interacções com referência o festival. Este número mais que duplicou face à última edição do festival.

Quanto à app mobile MEO Sudoeste, desenvolvida in house, contou com mais de 24 mil downloads. Para além de informação sobre o cartaz e de artistas, a app oficial do Festival contou com realidade aumentada, em parceria com a tagSpace.

«O Meo Sudoeste voltou a demonstrar ser o maior festival de Verão em Portugal, um evento que se encontra em linha com o que são as expectativas das marcas da Altice Portugal – o Meo, o Moche e o SAPO. A Altice Portugal tem no Desporto, na Cultura e, em particular na Música, além, claro, das Telecomunicações, os seus eixos de actuação em Portugal. Uma empresa como a Altice Portugal tem claramente a responsabilidade de estar presente na sociedade. A música é hoje uma das formas de expressão mais importantes no nosso país e nós queremos continuar a apoiar este território onde nos sentimos em casa», afirma Alexandre Fonseca, presidente executivo da Altice Portugal.

Destaque ainda para os pontos de carregamento, distribuídos pelo recinto e campismo, que possibilitaram aos 40 mil  festivaleiros que passaram diariamente pelo festival carregarem o equivalente a mais de 130 mil baterias de telemóvel.

Para os que já estão a pensar na próxima edição, as datas já são conhecidas: em 2020, o Meo Sudoeste decorrerá de 4 a 8 de Agosto, com a abertura do campismo a acontecer no primeiro dia desse mês.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Airbus vai ter open day. Há 90 vagas para fábrica portuguesa
Automonitor
Nissan LEAF em modo drift