Lazer e viagens no topo das despesas dos portugueses

turismo-finalO lazer e as viagens lideram as intenções de compra dos consumidores portugueses, de acordo com análises do Observador Cetelem. Não obstante, enquanto que em 2010 eram cerca de 47% os portugueses que tencionavam consumir viagens e lazer, em 2011 essa percentagem é de 37%. Neste sentido, os portugueses encontram-se abaixo da média europeia (54%) e os seus desejos fazem notar mesmo um recuo relativamente ao ano passado (menos 10 pontos).

Reservas tardias, “caça” aos preços baixos e a escolha de destinos menos longínquos são as principais mudanças de comportamento registadas pelas agências de viagens. Desta forma, 50% das viagens que incluem voo e hotel são vendidas no mês de partida.

Nas análises do Observador Cetelem, efectuadas em colaboração com o gabinete de estudos e de consultadoria BIPE, estiveram envolvidas amostras representativas de populações nacionais, maiores de 18 anos, de 13 países. Foram inquiridos, no total, mais de 8.700 europeus, com amostras de, pelo menos, 500 indivíduos por país.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Já viu o novo ultracompacto 100% elétrico da Toyota?