Inteligência Artificial pode ajudar a encontrar o “par perfeito”

A maioria dos utilizadores confia no papel dos algoritmos inteligentes nos serviços de encontros. A conclusão é de um estudo internacional da Kaspersky sobre encontros e o impacto da tecnologia nas relações, que dá conta de que 44% das pessoas confiariam na escolha das correspondências realizadas a partir de Inteligência Artificial (IA), com 64% a revelar que as recomendações dos algoritmos correspondem “plenamente” às suas preferências.

Esta percepção positiva geral da Inteligência Artificial é confirmada pelo estudo global desenvolvido pela ARM, onde 54% dos inquiridos admitiram que estavam interessados em utilizar a IA para servir de companhia ou assistente pessoal. Os encontros online não são excepção, com os serviços a utilizarem algoritmos inteligentes a fim de ajudarem as pessoas a encontrar uma correspondência ou recomendar-lhes perfis adequados aos seus interesses.

De acordo com o estudo da Kaspersky, mais de metade (54%) dos inquiridos concorda que as aplicações de encontros em geral tornaram este processo muito mais fácil. Além disso, 43% afirmam mesmo que apenas se encontrariam com os indivíduos que o algoritmo lhes recomendasse.

Mas confiar nas recomendações não é, segundo a análise, a mesma coisa que escolher uma correspondência tendo apenas por base as recomendações de IA. Isto porque, de acordo com o mesmo estudo, mais de metade (56%) dos inquiridos não tem a certeza se os algoritmos conseguem cobrir toda a complexidade de factores que fazem uma pessoa sentir-se atraída por outra. Além disso, 39% confessam que os algoritmos são “desumanizadores”.

«Os resultados da nossa investigação revelam que muitas pessoas têm uma percepção positiva em relação à introdução da IA em aplicações de encontros e que esta pode ajudar muitos a encontrar uma correspondência adequada. Apesar dos benefícios e possibilidades dos serviços de dating, devemos permanecer sempre vigilantes e lembrarmo-nos que não podemos saber ao certo quem está do outro lado do ecrã», adverte David Jacoby, investigador de segurança da Kaspersky.

«A digitalização e as suas possibilidades apenas mudam a procura pelo verdadeiro amor e não o verdadeiro amor em si. Tecnologias como a inteligência artificial tornam possível uma procura mais precisa, rápida e simples, minimizando os riscos. E isso é importante, porque as aplicações de encontros têm tudo a ver com descobrir o parceiro perfeito. É por isso que estamos tão dispostos a deixar que a inteligência artificial nos ajude – faz um trabalho preliminar valioso até ao primeiro encontro», acrescentou.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...