Um negócio que gera milhões

casamento-01

Em Portugal realizaram-se cerca de 33 mil casamentos, de Janeiro a Setembro do ano passado, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística. Em 2007, ao todo contraíram matrimónio mais de 46 mil portugueses e o casamento civil representou a maior fatia (perto de 25 mil).

Desde o ano 2000, em que se casaram 64 mil portugueses, os casamentos têm vindo a diminuir todos os anos. Estima-se que a indústria do casamento português movimente mais de meio milhão de euros, o que corresponde a 1% do PIB. Um mercado atomizado – com opções para várias carteiras – onde cada vez mais players se caracterizam pelo one-to-one, a proximidade e diferenciação. Este sector de eventos é considerado um mercado emergente, uma vez que estão ligados aos casamentos cerca de 50 sub-sectores, desde o aluguer de carros ao crédito bancário.

(…)

Por TitiAna Amorim Barroso

PARA LER NA ÍNTEGRA CONSULTE A EDIÇÃO IMPRESSA

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Já viu o novo ultracompacto 100% elétrico da Toyota?