SodaStream cria solução para limpar os oceanos

A SodaStream criou uma espécie de tartaruga mágica, que promete ser capaz de limpar os oceanos sem prejudicar os animais que lá vivem. A Holy Turtle, como é designada a solução, consiste numa estrutura flutuante ligada a dois barcos, cuja missão é retirar objectos de plástico que derivem à superfície.

Desenvolvido pela American Boom & Barrier Corp, o dispositivo foi inspirado nos sistemas utilizados para impedir – ou, pelo menos, limitar – derrames de petróleo. Para já, a Holy Turtle pode ser encontrada nas Honduras, onde a SodaStream levou a cabo uma actividade de limpeza com a duração de quatro dias, segundo indica a Adweek.

Daniel Birnbaum, CEO da Sodastream, citado pela mesma publicação, avança que o projecto implica um investimento de mais um milhão de dólares (cerca de 880 mil euros). «A pequena ilha de Roatán simboliza um enorme problema: a poluição de plástico de todo o mundo está a encontrar uma forma de chegar até às ilhas paradisíacas mais remotas», afirma o responsável.

A Holy Turtle surge na sequência do posicionamento da SodaStream enquanto marca que quer acabar com as garrafas de plástico. Ao mostrar a devastação que o plástico está a causar, a insígnia espera sensibilizar os consumidores para alternativas mais amigas do ambiente, nomeadamente as garrafas da SodaStream que podem ser reutilizadas.

Mas não se fica por aqui. A marca quer também ajudar a reduzir a utilização de copos, palhinhas e sacos de plástico: «A SodaStream espera que as decisões que tomamos enquanto empresa funcionem como catalisador para que reguladores, indústrias e consumidores façam o mesmo, de modo a existir um impacto global.»

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)