Famel quer regressar à estrada

Em Janeiro de 2014, Joel Sousa adquiriu os direitos da Famel. O objectivo é recuperar a marca e voltar a produzir as icónicas motorizadas portuguesas. Apesar de já ter um protótipo em papel, quer aprimorá-lo, para chegar a um design que apele ao misticismo que a marca alcançou entre os anos 60 e 90

Texto Rafael Paiva Reis

Cabelos ao vento, um, dois, às vezes três e quatro passageiros, na estrada ou pelo meio do mato, quantas histórias já aconteceram em cima de uma Famel. Mítica motorizada portuguesa produzida em Águeda entre os anos 60 e 90, conheceu o seu fim em 2002, quando a empresa declarou falência. Doze anos depois, Joel Sousa, engenheiro automóvel de profissão, adquiriu a marca para trazer as motorizadas de volta ao panorama nacional.

Para ler o artigo na íntegra, consulte a edição de Abril de 2015 da revista Marketeer.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Pela primeira vez, há uma portuguesa a presidir a Multilaw
Automonitor
Via Verde Estacionar chega à Maia