Boost de energia

MARKETEER CONTENTS

A Delta Cafés começou o ano em passo de corrida. Tal como já vem sendo habitual nos últimos anos, a marca de cafés do Grupo Nabeiro associou-se como naming sponsor a uma das primeiras corridas do ano, a prova Trilhos dos Reis/Delta Cafés, que decorreu nos dias 12 e 13 de Janeiro na região da Serra de São Mamede, em Portalegre. «Este é já um evento emblemático na associação da nossa marca à modalidade.

O facto de a última edição ter contado com o número recorde de aproximadamente 1500 participantes traduz o seu sucesso crescente. Estamos naturalmente satisfeitos com o número de contactos atingido e, ao mesmo tempo, pelo facto de, cada vez mais, os atletas associarem a Delta às actividades de desporto, lazer e bem-estar», afirma Marco Nanita, director de Marketing de Delta Cafés. O evento Trilho dos Reis/Delta Cafés foi composto por provas com diferentes tipologias e graus de dificuldade, nomeadamente o Ultra Trilhos dos Reis (45 km de distância), Trilhos dos Reis (25 km), Mini Trilhos dos Reis (15 km), Caminhada (12 km) e Corrida Noturna dos Príncipes (Kids Night Run).

Além deste evento, o calendário de apoios da Delta Cafés no território do running para 2019 estende-se a diversas provas organizadas em Lisboa pelo Maratona Clube de Portugal, e das quais será Café Oficial pelo quarto ano consecutivo. Entre estas, destacam-se as Meias Maratonas sobre as pontes 25 de Abril e Vasco da Gama. Além disso, a Delta Cafés voltará a ser Café Oficial do circuito EDP Running Wonders, que se inicia a 26 de Maio no Douro Vinhateiro, segue para Guimarães (23 de Junho), região do Dão (22 de Setembro), Coimbra (20 de Outubro), Évora (24 de Novembro), e termina em Portimão (8 de Dezembro).

Um calendário preenchido ao longo de todo o ano, que visa reforçar a notoriedade da marca Delta Cafés no universo do running. «A aposta da Delta Cafés no território do running destina-se não só a associar a nossa marca a um estilo de vida saudável como, em simultâneo, fazer com que, cada vez mais, os praticantes da modalidade percepcionem o café como uma bebida que lhes proporciona um boost suplementar de energia», frisa Marco Nanita.

Café on-the-go

De acordo com o director de Marketing de Delta Cafés, o balanço que a marca faz da presença no território do running no ano passado «é amplamente satisfatório, na medida em que foi mais um ano em que vincámos a nossa estratégia de proximidade a uma actividade que, entre outros aspectos, valoriza a sã competição e promove um estilo de vida saudável. Ainda que os resultados desta nossa estratégia não sejam mensuráveis no curto prazo, temos a forte convicção que a Delta deu o passo correcto ao apostar numa modalidade que tem cada vez mais adeptos e se enquadra nos nossos valores de promoção de estilos de vida saudáveis».

Dessa forma, o responsável sublinha que este ano não haverá qualquer mudança de estratégia ou de filosofia relativamente à associação da Delta Cafés ao running. «A nossa aposta neste território tem-se vindo a afirmar ao longo destes últimos anos, pelo que, mais que alterar estratégias, o nosso principal objectivo seja solidificar as parcerias existentes», reitera. Ainda assim, este ano, a Delta Cafés vai aproveitar a sua presença nas variadas provas de running para divulgar e promover as inovações exclusivas e conceitos de consumo que a marca tem vindo a lançar desde o início do ano, e que acabaram por se ajustar a este território, ou não se tratassem de produtos que têm, em comum, um conceito on-the-go.

Nesse sentido, a marca irá privilegiar acções de comunicação e activação relacionadas com a barra energética Croffee (um snack com 85 calorias e cafeína equivalente a um expresso), o conceito Go Chill by Delta (uma bebida fria de café com leite, pronta a beber, com sabor intenso a café para ser consumida em qualquer lugar, disponível nas variedades Cappuccino, Caffe Latte e Cappuccino Aveia) e Delta Drip Coffee (produto 100% arábica ligado ao conceito de slow coffee).

«A Delta Cafés tem evoluído ao longo dos seus mais de 50 anos de história, seja no lançamento de novos produtos, na presença em eventos e nas activações pensadas para os vários momentos de comunicação. É uma marca que tem vindo a reinventar-se ao longo dos tempos, mantendo sempre a qualidade que lhe é característica, de forma a estar sempre presente no dia-a-dia dos consumidores», destaca o director de Marketing de Delta Cafés.

Aposta para manter?

Além da política de patrocínios a diversas provas de running nacionais, a Delta Cafés iniciou recentemente uma parceria com o atleta paralímpico Lenine Cunha, que a marca considera «um exemplo de motivação e superação pessoal», estando perto de conquistar um total de 200 medalhas nas com petições em que participou, nas mais diversas geografias. Apesar desta novidade, Marco Nanita ressalva que a estratégia de associação da Delta Cafés ao running «não passa tanto pelo apoio a atletas de forma individualizada, mas antes à actividade encarada no âmbito colectivo e como desporto de massas».

Já o interesse crescente que a modalidade tem despertado junto de um número cada vez maior de marcas é algo que não preocupa a Delta Cafés. «Existe uma crescente tendência na adopção de estilos de vida saudáveis e na prática de diferentes modalidades desportivas. Uma tendência que está a mudar o futuro da indústria, sendo o fenómeno do running uma prática cada vez mais na moda em Portugal.

Esta realidade tem merecido a atenção por parte das marcas que têm no seu ADN a promoção de estilos de vida saudáveis. E a Delta, enquanto marca líder no sector do café em Portugal, não poderia ficar alheia a essa realidade», frisa o responsável. «Pretendemos chegar a um target mais jovem, mas também estar próximos dos desportistas e restantes públicos do running», acrescenta. E será esta uma aposta para manter no futuro? «Embora ainda seja extemporâneo antecipar cenários para os próximos anos, quase que podemos garantir que a ligação da Delta Cafés ao running é para manter. Em princípio, esta “maratona” é para continuar a correr», conclui.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)