Burger King em maus lençóis com a monarquia belga

Para assinalar a entrada da Burger King no mercado belga, a cadeia de restauração norte-americana decidiu lançar uma competição entre o rei da Bélgica e a marca de hambúrgueres. A acção envolvia pedir que o público votasse, através de uma plataforma online, no verdadeiro merecedor da coroa: o rei Philippe ou a Burger King.

A monarquia do país não ficou satisfeita e pediu à marca para se explicar. «Dissemos-lhe que não estávamos contentes com a utilização da imagem do rei na campanha», afirma o porta-voz Pierre-Emmanuel De Bauw. Citado pelo The Independent, o mesmo responsável acrescenta que a imagem do rei não pode ser utilizada para fins comerciais.

Perante a reacção da monarquia, a Restaurant Brands International, que detém a marca Burger King na Bélgica, admite mudar a estratégia de comunicação. «Estamos a deliberar sobre como proceder. Caso façamos uma mudança na campanha, comunicaremos», conta Shana Van den Broeck, porta-voz da empresa.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Acompanha aqui o lançamento oficial do Sapo Prime, uma nova forma de comprar conteúdos jornalísticos
Automonitor
Europa: Vendas da Hyundai superam mercado