Arterin põe colesterol sob investigação

Um em cada dois portugueses apresenta níveis elevados de colesterol. É, por isso, um assunto na ordem do dia, especialmente para a Arterin, marca de comprimidos que pretende alertar os cidadãos para esta realidade e ajudá-los a prevenir e tratar o problema.

Nesse sentido, a Arterin preparou uma acção que desafiava os visitantes do Dolce Vita Tejo a descobrir os seus níveis de colesterol e a participar, em simultâneo, num episódio de CSI – Colesterol Sob Investigação. O objectivo da acção passa por lembrar que qualquer pessoa pode ter colesterol elevado, independentemente da idade, género ou condição física.

Joana Craveiro, responsável da marca em Portugal, explica à Marketeer que na base da iniciativa esteve a constatação de que existe um estereótipo incorrecto relativamente ao tipo de pessoa com colesterol elevado. «É percepcionada como alguém em baixo de forma, com mais idade e excesso de peso. Sentimos a necessidade de desenvolver uma acção que tivesse um impacto na forma de pensar dos portugueses, fazendo com que o próprio consumidor se apercebesse desse estereótipo e se surpreendesse com o resultado de um teste ao seu valor de colesterol», conta.

Joana Craveiro adianta ainda que este é um ponto de viragem para Arterin, que adopta uma nova lógica de comunicação. Segundo a responsável, «está a ser activada uma campanha 360º, que tem como ponto de partida o compromisso social de alertar a população para esta problemática e que será materializado em múltiplos meios». Estão previstas acções em meios tradicionais, nomeadamente ponto de venda, mas também plataformas digitais, incluindo display advertising, email marketing, redes sociais, YouTube ads e parcerias com influenciadores. Do plano constam também activações complementares em imprensa e a realização de mais de 15 mil rastreios gratuitos em farmácias.

Texto de Filipa Almeida

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Outubro 2019
Automonitor
Já viu o novo ultracompacto 100% elétrico da Toyota?