Testámos o Pingo Doce & Go que abriu na Nova SBE

O convite era claro: ir à inauguração da loja Pingo Doce & Go do Campus da Universidade Nova em Carcavelos. A única, aliás, e que não deverá ter gémeas, mas que é expectável que ajude a testar não só tecnologias como também inovação, conveniência e até novos produtos. A expectativa era a de conseguir testar, como um consumidor normal, o funcionamento daquela que esperávamos que fosse a Amazon Go à portuguesa. E fizemo-lo, mas já lá vamos.

A loja, com 250 metros quadrados, foi pensada para o público jovem e adepto de tecnologia, tendo vindo a ser desenhada nos últimos 18 meses. Foi pensada sobretudo para o público académico, mas sem esquecer a vizinhança da Nova SBE, sublinhou Isabel Ferreira Pinto, directora-geral do Pingo Doce, ao início da tarde de hoje.

A loja – esclareceu a mesma responsável – funcionará como um laboratório que possibilitará «observar, estudar e aprender sobre as novas tendências de consumo e formas de comprar».

André Ribeiro de Faria, Chief Marketing e Consumer Officer da Jerónimo Martins, conta que para o desenvolvimento da loja falaram com os estudantes para entender as suas necessidades. «Daí partiu a promessa do que queríamos entregar ao nível de produto e da tecnologia. A promessa é a de conseguir fazer a compra em um minuto e ter oferta 24 horas, sete dias por semana». Mas, assegura, «sendo uma loja laboratório, estamos no sítio ideal para aprender depressa. Isto é só o começo».

Todo um projecto que a Jerónimo Martins desenvolveu com uma equipa multidisciplinar, em colaboração com empresas parceiras fornecedoras de tecnologia made in Portugal, frisou a responsável. André Ribeiro de Faria destaca alguns desses parceiros, incluindo a Outsystems, a Truewind (desenho de sistemas), a Reckon (startup especialista em visão por computador) e a polaca Forcom.

A loja conta nas suas fileiras com a gerente mais nova da totalidade dos Pingo Doce em Portugal – a Andreia que tem 27 anos e que terá a trabalhar consigo uma equipa de 20 colaboradores. A expectativa da marca é que os picos de consumo sejam os pequenos-almoços, os almoços e o final da tarde.

Daniel Traça, dean da Nova SBE, confessou que gostaria de saber, daqui a dois anos, como é que esta loja mudou a Jerónimo Martins. Lembrou que o campus foi criado virado para o futuro e que esta loja é mais uma operacionalização dessa vontade de olhar em frente. «Quando a Amazon nasceu vendia livros. Nessa altura, ninguém na Jerónimo Martins pensou o que isso implicava para a empresa», diz em forma de alerta para a necessidade que as empresas têm de se manter abertas nos desafios que enfrentam. E remata lembrando que se o antigo presidente da Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, tivesse visto esta inauguração «seria o mais jovem de todos nós a viver esta experiência».

O teste

O teste foi feito sem ajudas. Como me fora indicado, fiz o download da aplicação Pingo Doce & GO Nova, inseri os meus dados, associei um cartão (que no caso foi um MB Net criado para o efeito) e entrei na loja. Para dar entrada na loja há que passar uns torniquetes que se abrem com a passagem do QR Code disponível na app e que, desta forma, identifica o cliente. A partir daí é começar a comprar, registando os produtos que se quer com a app (pode-se voltar atrás e desistir da compra, mas quis testar de facto o pagamento). No final, efectua-se o pagamento na aplicação e volta-se a passar o QR Code para sair da loja pelos mesmos torniquetes de entrada. Simples. A factura chega alguns segundos depois à aplicação.

Testei ainda a máquina que funcionará durante o período nocturno quando a loja estiver fechada ao público. Novamente com a aplicação escolhe-se a funcionalidade GO 24/7, insere-se o código que está na máquina, as portas abrem-se e retira-se os produtos que se quer comprar. Automaticamente a máquina regista as compras e assim que as portas são fechadas o montante correspondente é-nos descontado do cartão.

Texto de Maria João Lima

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
A sua empresa pode fazer sorrir crianças hospitalizadas. Saiba como.
Automonitor
Novo Alpine A110S pronto para encomendar em Portugal