Festas de Lisboa regressam já este mês com marchas, concertos e tronos

Depois de dois anos privada das celebrações mais características da cidade, Lisboa volta a estar em festa. De 28 de Maio a 30 de Junho, as Festas de Lisboa vão dar mote a concertos, peças de teatro, exposições e, claro, os típicos arraiais, Marcas Populares e Tronos de Santo António.

Com organização a cargo da Câmara Municipal e da EGEAC, a iniciativa conta com “uma programação alegre e popular, diversa e inclusiva, experimental e surpreendente”, segundo é indicado em comunicado.

No dia de arranque (último sábado deste mês), Tito Paris sobe ao palco da Torre de Belém para assinalar 40 anos de carreira ao lado de convidados como Cremilda Medina, Joana Amendoeira, Paulo Gonzo e Djodje, num espectáculo intitulado “O que nos Une” e que pretende ser uma mensagem colectiva de esperança.

Outros destaques da programação incluem as Marchas Populares, cujas primeiras exibições terão lugar na Altice Arena (dias 3, 4 e 5), a partir das 21h. Na noite de Santo António (12 de Junho), as Marchas seguem para a Avenida da Liberdade, a partir das 21h45.

No Castel de São Jorge, haverá fado com Ricardo Ribeiro e o pianista de jazz Paulo Esteves da Silva no dia 17 e com Teresinha Landeiro, Agir e Mimi Froes no dia 18. Já nos dias 25 e 26 de Junho haverá ranchos folclóricos, tunas, bombos e fado na Quinta das Conchas, numa parceria com as Casas Regionais de Lisboa.

O encerramento das Festas de Lisboa, a 30 de Junho, acontecerá na Praça do Comércio com o concerto “Cheira a Lisboa”, numa homenagem aos 100 anos do Parque Mayer, considerado o berço das Marchas Populares. O espectáculo inédito conta com a Orquestra Metropolitana de Lisboa, sob a direcção do maestro Cesário Costa, que acompanhará seis cantores: Anabela, FF, Katia Guerreiro, Luís Trigacheiro, Lura e Marco Rodrigues. Em palco, vão recriar 22 clássicos da música popular com arranjos de Filipe Raposo, Pedro Moreira e Lino Guerreiro.

Ler Mais


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...