Facebook lança aplicações para eventos e ambiente de trabalho

Events e Workplace são as mais recentes novidades daquela que é a rede social mais popular do mundo. O Facebook anunciou o lançamento de duas novas aplicações que prometem facilitar a vida dos utilizadores no que respeita à organização da agenda e do ambiente de trabalho.

Comecemos pelo Events. Segundo o Facebook, mais de 100 milhões de pessoas utilizam a funcionalidade eventos todos os dias para descobrir actividades que possam fazer com os seus amigos. Mais: todos os anos são partilhadas centenas de milhões de eventos. Partindo destes dados, foi criada a aplicação Events, pensada para quem não quer perder as últimas novidades sobre o que está a acontecer na sua cidade.

Ao abrir a aplicação, surgem de imediato os eventos em que os amigos do utilizador estão interessados em ir, além de eventos anunciados recentemente por parte de páginas de que gostam e ainda actualizações dos eventos a que o utilizador já está ligado (por ter dito que vai ou que talvez vá). No Events, também é possível explorar as recomendações feitas pelo Facebook tendo por base a hora, localização e interesses: sim, passa a existir um filtro para pesquisa de eventos.

Existe ainda um calendário para que a agenda não acabe com actividades sobrepostas, já que é possível sincronizar o calendário do telemóvel com o da aplicação. O Events está, para já, apenas disponível para iOS nos Estados Unidos da América, mas depressa chegará a Android e aos restantes mercados.

Dos amigos para os colegas de trabalho

Há anos que o Facebook liga amigos e familiares através da sua plataforma, por isso, por que não ligar também colegas de trabalho? A verdade é que isto já acontecia mas, agora, passa a ter um local especial. O Facebook está a lançar o Workplace, uma aplicação dirigida a quem não passa o dia à secretária mas sim em constante movimento, apenas com o smartphone ou portátil como elo de ligação ao ambiente de trabalho.

Lançada em fase de testes há cerca de um ano, a aplicação já é utilizada por empresas de navios que comunicam com os seus colaboradores via Live Video ou por bancos que partilham novidades com os funcionários através de publicações no Workplace em vez de enviar newsletters. Danone, Starbucks e Booking.com são algumas das multinacionais que já utilizam a plataforma.

Ao contrário do que acontece com o Events ou com o Messenger, o Workplace não é uma aplicação ligada ao Facebook mas sim feita por ele. Isto significa que as acções realizadas no Workplace não surgirão nas contas de Facebook. É uma plataforma independente para as empresas que querem utilizar um sistema semelhante mas separado das vidas pessoais.

As funcionalidades, porém, estão lá: News Feed, Grupos, Chat, Live Video e Reactions, entre outros. Quanto a ferramentas exclusivas do Workplace, destaque para um dashboard com dados estatísticos e capacidade de integração com os sistemas de informação de cada empresa. Existem ainda os Multi-Company Groups, espaços em que funcionários de diferentes empresas podem trabalhar em conjunto.

Há ainda outra diferença significativa entre o Workplace e o Facebook: o Workplace é pago, sendo que as empresas pagam apenas pelos utilizadores que são activos. Os preços vão desde três dólares (2,7 euros) mensais para até mil utilizadores a um dólar (90 cêntimos) mensais para mais de 10 mil utilizadores.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual