Facebook elimina afinidade étnica de parte das soluções de Marketing

Apesar de a discriminação ser absolutamente proibida no Facebook, a rede social disponibiliza uma opção de “afinidade étnica” nas suas soluções de Marketing que permite seleccionar audiências com base na sua etnia. Porém, de acordo com Erin Egan, chief Privacy Officer do Facebook, devido a preocupações demonstradas recentemente por parte de legisladores e líderes de direitos civis vão ser introduzidas alterações.

O responsável indica, numa publicação no blog da rede social, que as preocupações dizem respeito à possibilidade de os anunciantes utilizarem esta segmentação para dirigir os anúncios de forma discriminatória, particularmente em áreas como alojamento, emprego e crédito.

Neste sentido, estão duas alterações em curso. Em primeiro lugar, o Facebook está a construir ferramentas para detectar e eliminar automaticamente a utilização da “ethnic affinity” para anúncios nas áreas de negócio referidas em cima. Nestes casos, a opção passa a não estar disponível de todo.

A segunda novidade consiste em apostar em mais clarificação e educação. O Facebook vai actualizar as suas políticas de publicidade de modo a requerer que os anunciantes tenham de aceitar não levar a cabo acções discriminatórias. Adicionalmente, vai oferecer novos materiais informativos para ajudar os anunciantes a entender as suas obrigações.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Automonitor
Portugal a caminho de bater recorde de produção anual