Artesanato contemporâneo português tem nova morada online

O artesanato contemporâneo português está na base da Portugal Manual, plataforma online que está a mostrar além-fronteiras aquilo que as mãos portuguesas são capazes de fazer, em áreas como moda ou decoração. A funcionar há quatro meses, soma já 60 marcas, 30 parceiros e três exposições.

«Reconheço a arte do saber-fazer dos novos artesãos, que aliam a tradição manual à imaginação, reinventando conceitos com um olhar contemporâneo, criativo e cosmopolita. A missão da Portugal Manual é dar a conhecer este movimento ao mundo e reposicionar desta forma a marca Portugal no estrangeiro», explica Filipa Belo, fundadora do projecto.

Todas as marcas seleccionadas para participar na plataforma representam o artesanato actual, que combina tradição e técnicas antigas com design moderno, valorizando o consumo ético e o empreendedorismo. A Portugal Manual presta apoio na divulgação e na disponibilização de serviços comerciais, financeiros, de fotografia, vídeo ou web através de uma rede de parceiros, de modo a potenciar a internacionalização das insígnias.

Além da promoção, a Portugal Manual também aposta no Turismo Criativo ao organizar workshops em vários pontos do País. Estas experiências estão pensadas para quem quer aprender a fazer e conhecer melhor os locais onde as diferentes técnicas artesanais têm vindo a ser desenvolvidas ao longo das décadas. Bordado em fotografia, macramé, tapeçaria e cerâmica são algumas das áreas exploradas nesta vertente.

Filipa Belo acredita que «é no quotidiano de uma oficina que se sente o pulsar renovado da criação. Que se testemunha o valor de projectos que procuram colmatar lacunas entre as gerações, oferecendo lugares de encontro, discussão e aprendizagem».

Apesar de ser uma plataforma totalmente dedicada ao artesanato contemporâneo português, a Portugal Manual tem uma ligação muito forte ao brasil, uma vez que é onde a sua fundadora reside actualmente. É aqui que está a promover exposições sobre o tema e é aqui que vê o seu trabalho reconhecido pelo Turismo de Portugal: a plataforma foi convidada a estar presente no evento Portugal 360º, no Rio de Janeiro, e a assegurar a curadoria da área de artesanato.

Quanto às marcas que já fazem parte da Portugal Manual, há Mauvais Marie e So-So para crianças, Tiago Galo para quem gosta de serigrafias e Joana Mota Capitão ou Ery Opaca para quem não resiste a uma peça de joalharia. Também não faltam opções nas categorias de moda e casa/design, nomeadamente Lobo Apparel, Maria Descalça, Com Raiz, Casulo, Musgo, A Avó Veio Trabalhar, Sugo Cork Rugs, Beija-Flor e Anna Westerlund, entre outros.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)