Abril terá Menus Secretos para membros Zomato Gold

Serão 25 os chefs convidados a preparar menus gastronómicos únicos para os subscritores do Zomato Gold que estarão disponíveis entre 1 e 14 de Abril. «Os membros Zomato Gold são foodies apaixonados por gastronomia e que adoram experimentar novos conceitos. Foi neste contexto que decidimos criar os Menus Secretos, em que os chefs criam menus especiais de maneira a proporcionar uma experiência exclusiva aos subscritores. São menus com vários pratos inéditos que não constam dos menus habituais desses restaurantes», explicou Riddhi Jain, Business head da Zomato Gold, num almoço de apresentação do conceito que decorreu hoje no El Bulo Social Club e onde também marcou presença Chakall, um dos chefs convidados a fazer parte do evento do próximo mês. «Há uma camada de restaurantes que merece ter mais visibilidade», sublinhou Miguel Ribeiro, head of Growth para a Europa.

Em função daqueles que forem os resultados desta estreia global que decorrerá em Lisboa, os Menus Secretos poderão chegar a breve prazo ao Porto e ser replicados em outras localizações a nível mundial, garantiu Miguel Ribeiro.

Com preços entre os 25 e os 40 euros, os menus poderão apenas ser reservados pelos detentores de subscrição do Zomato Gold – reservas para durante a semana apenas ao jantar e aos fins-de-semana ao almoço e ao jantar – que, no entanto, poderão fazer-se acompanhar de convidados que beneficiarão da mesma experiência.

Os espaços que foram convidados a participar desta primeira edição do Zomato Gold Menus Secretos são o The Club Steakhouse, Volver, Duplex, Desnorte, Refúgio, El Bulo Social Club, Peixola, Sushi do Sá Morais, Carniçaria Portuguesa, Bastardo, Saraivas, Monte-Mar, Open Brasserie, Incomum, Terraza Cascais, Audrey’s, DownUnder by Justin Jennigs, Chutnify, 31 D’Armada, Ararate, ISO Lisboa, Adega Machado, Café Luso – Fado & Food Group, Encanto, Arola e Trecento Sessanta.

Zomato em Portugal

Miguel Ribeiro, que implementou a Zomato em Portugal enquanto country manager em 2014, faz notar que o mercado da restauração mudou muito nos últimos cinco anos. «Hoje, é obrigatório reservar mesa. Os domingos ao almoço estão a parecer quintas e sextas à noite. Além de que o Porto está completamente cheio de gente.» E focando-se na Grande Lisboa sublinha que «há dois anos os moradores de Almada procuravam na app lugares em Lisboa. Hoje, procuram na Costa, em Almada e no Seixal». É que apesar dos portugueses terem aderido às marmitas, «os jantares fora são muito frequentes, bem como o sair para beber um copo ou para um brunch». Daí que, garanta, a frequência com que os portugueses comem fora seja «muito maior que nos outros mercados».

E a Zomato não ficou alheia a estas mudanças tendo, inclusive, passado de uma equipa de 12 pessoas em 2014 para as 84 actuais. Uma equipa, de resto, que Miguel Ribeiro garante estar sedenta de inovação. «O Zomato Gold foi lançado em Portugal e testado também no Dubai. O secret menu é o próximo passo a seguir.»

Riddhi Jain acrescenta: «O Zomato Gold é o programa de subscrição que mais cresce em todo o mundo!» Tem mais de um milhão de subscritores em 23 cidades em seis países. Em Portugal são, hoje, 20 mil os subscritores, sendo que 88% usa pelo menos uma vez por mês, garantiu Riddhi Jain, salientando que muitos deles usam três a quatro vezes por mês, sendo acompanhado por mais duas pessoas, em média.

Números que têm resultados expressos no volume de negócios já que os Zomato Gold respondem já por 30% do volume de negócios da Zomato, estando a ganhar quota aos anúncios, referiu Miguel Ribeiro. O mesmo responsável garante que o volume de negócios em Portugal triplicou neste ano fiscal que termina este mês quando comparado com os valores do ano anterior.

Texto de Maria João Lima

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
O impacto da Inteligência Emocional nas empresas
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo