A guerra dos GPS

A Google anunciou, na quarta-feira passada, o seu serviço de navegação para telemóveis. Um serviço gratuito, com base na estratégia de venda de publicidade, e que já está a ameaçar o negócio de marcas de GPS como a TomTom ou a Garmin.

Antecipando a nova área de negócio da Google, a TomTom lançou em Agosto uma aplicação de GPS para o iPhone, que já foi descarregada 80 mil vezes, garante a empresa. A Garmin preveniu-se com o lançamento do Nuvifone, um aparelho híbrido que funciona como GPS e telemóvel, mas que tem sido referenciado como um flop de vendas.

A Google está a desenvolver os seus próprios mapas, por agora disponíveis no Motorola Droid e iPhones, estando previstos outros aparelhos brevemente.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Pela primeira vez, há uma portuguesa a presidir a Multilaw
Automonitor
Via Verde Estacionar chega à Maia