Uma “História de Fibra” no arranque dos Paralímpicos

Os Jogos Paralímpicos arrancam, hoje, no Rio de Janeiro e os atletas portugueses preparam-se para competir ao lado de participantes de cerca de 170 países. A farmacêutica Angelini é um dos patrocinadores dos Paralímpicos de Portugal e quis reforçar o seu apoio com um vídeo em que conta a história de Luís Costa.

“História de Fibra” parte de uma máquina capaz de tatuar fibra de carbono – a primeira do género, de acordo com a Angelini – e que foi utilizada para gravar uma ilustração na prótese do paraciclista português. “Mais do que uma tatuagem, um símbolo de superação que vai durar para sempre e dar força aos atletas nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro.”

Através do acordo de patrocínio, que termina no final do ano, a Angelini pretende “reforçar um conjunto de valores tão importantes como a defesa da saúde, a prática desportiva continuada e a inclusão social”, como explica em comunicado.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Estas 85 empresas procuram mais de 2500 novos talentos
Automonitor
Já conhece o “novo ingrediente” de Gordon Ramsey?