Depois de usadas, estas máscaras transformam-se em arte

A plataforma criativa Because Art Matters (BAM) desafiou um conjunto de artistas a desenvolverem máscaras faciais para uso social que, depois de usadas, se transformam em peças de arte coleccionáveis e de edição limitada. E, tal como um quadro, podem ser emolduradas e penduradas nas paredes de casa.

Cada máscara tem um artwork único, impresso no tecido, que permite esta dupla função. Ao todo, foram desenvolvidas seis máscaras reutilizáveis de edição limitada, assinadas por artistas do mundo do graffiti/street art e ilustração. São eles os portugueses Miguel “RAM”, Gonçalo “MAR” e Binau, e o italiano Filippo Fiumani.

As máscaras foram produzidas manualmente, são laváveis a 60º graus e respeitam a certificação 100 da OEKO-TEX. Podem ser encomendadas no website da BAM por 19,99 euros (mais portes de envio), cada unidade.

De acordo com a BAM, este projecto é um “três em um”: ajuda os artistas, protege as pessoas e o planeta. Desta forma, um dos objectivos é evitar que, ao contrário do que tem acontecido com muitos equipamentos de protecção individual, possam ir parar ao lixo ou ao oceano.

«Ao comprar esta série limitada de artworks, não está apenas a comprar uma máscara facial e a apoiar os artistas nestes tempos difíceis, está também a comprar uma peça de arte que marca um momento delicado e de alerta vivido à escala global e a preservar o planeta», sublinha a BAM em nota de imprensa.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...