Uma década de transformação nos Seguros

O mercado segurador está mais estável, com produtos mais cimentados e estratégias mais coerentes. Mas esta década trará muitos desafios, tecnológicos ou não, que irão transformar o sector. Assim sendo, um visão ampla, capacidade de tratamento de dados e estar a par das tendências será essencial para singrar nos próximos anos.

Texto de Rafael Paiva Reis

Fotos de Paulo Alexandrino

Depois de uma década de grande evolução no sector segurador, que ganhou cor e proximidade junto dos consumidores, a nova década perspectiva-se de ainda maior transformação. Há novos negócios e oportunidades, mas também ameaças à actuação das seguradoras.

«Há um processo de consciencialização de que o sector está em mudança e de que é imperativo olhar para o sector de diferente forma», afirmam os responsáveis presentes no pequeno-almoço de debate do sector dos Seguros, que teve lugar no Hotel Dom Pedro Lisboa.

A debater a actualidade e o futuro desta área estiveram Afonso Barata (GNB Seguros), Ângela Veras (Logo), António Carlos Carvalho (Lusitania), Conceição Tomás (Generali), Ester Leotte (AdvanceCare), José Villa de Freitas (Fidelidade), Maria Luís Rodrigues (Liberty Seguros), Susana Abelha (OK! teleseguros) e Susana Fava (CA Vida).

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Fevereiro de 2020 da revista Marketeer.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...