Tem empatia pela lata?

Em Junho, a Associação de Latas de Bebidas (ALB), em conjunto com o Estúdio Redondo, avançou com um projecto para criar empatia pela embalagem – a lata. Resultado: o Time in a Can, onde se procurou localizar algumas latas em pontos específicos de Lisboa, Porto, Macau e Açores.

Agora, as latas foram recolhidas e estão prontas a ser enviadas para o “Estúdio Redondo” em Madrid. Após seis intensos meses à chuva e ao sol, as latas expostas em vários pontos da grande Lisboa, Porto, Macau e Açores terão o corpo de fotografia em Março. Este projecto tem como objectivo registar a passagem do tempo numa simples fotografia, tendo por base a “solarigrafia”, uma técnica que capta a trajectória do sol e as suas nuances no decorrer do tempo.

«As latas utilizadas para este projeto serão novamente recicladas e poderão voltar a conter refrigerantes, cerveja ou até mesmo voltar a participar noutro projecto como o Time in a Can. Infinitamente reciclado, o metal volta sempre a transformar-se em matéria-prima de primeira qualidade. Esta é uma das caraterísticas que faz com que este projecto seja altamente sustentável», refere o director da ALB, Miguel Aballe.

Castelo de São Jorge, Aqueduto das Águas Livres, Museu da Água, Mãe d’Água, Jardim Botânico de Lisboa, Palácio da Pena, Palácio Nacional de Sintra, Palácio Nacional de Queluz, Convento de Mafra, Castelo de Guimarães, Centro Português de Fotografia, Açores e Macau foram os locais eleitos para a concretização deste projecto em solo nacional, uma iniciativa que decorre já nos cinco continentes.

Veja aqui o processo de recolha das latas.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...