Sector do papel pronto para ajudar no combate ao COVID-19

Tal como a agência Partners está a oferecer os seus serviços a entidades governamentais e instituições públicas para o desenvolvimento de campanhas de comunicação, também a APIGRAF se mostra disponível para apoiar o Ministério da Saúde. A Associação Portuguesa das Indústrias Gráficas e Transformadoras do Papel está pronta para agilizar a ligação entre o ministério e as empresas que representa tendo em vista a disponibilização de recursos e produtos essenciais ao combate à pandemia.

Embalagens alimentares, embalagens médicas, etiquetas, produtos médicos, sinalização, cartazes, papel de higiene geral e sanitária, material autocolante, louça descartável, cartões plásticos (bancários e de identificação) e informação impressa (incluindo imprensa) são alguns dos produtos pelos quais este sector é responsável e que poderão ser úteis neste momento.

«Apesar de se tratar de uma indústria essencialmente constituída por PME, muitas empresas associadas têm estado solidariamente a disponibilizar-se às entidades autárquicas locais para produção de material que possa ser útil nesta situação, como suportes de divulgação ou outros, dentro das suas possibilidades», adianta Lopes de Castro, presidente da APIGRAF. A associação quer apoiar este movimento, estabelecendo o contacto entre as empresas e o ministério.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...