Ricardo Florêncio (Multipublicações Media Group): «É muito útil ouvir um conjunto de experiências e análises»

Chegada a 16.ª edição da Conferência Marketeer, o balanço do desenvolvimento desta iniciativa que visa promover o debate e a troca de conhecimento é muito positivo. Quem o diz é Ricardo Florêncio, CEO do Multipublicações Media Group.

«Neste mundo híbrido, neste mundo à distância em que toda a parte digital tem um papel fundamental, penso que foi muito útil ouvir um conjunto vasto de experiências, vivências, opiniões e análises», afirma o responsável.

De acordo com Ricardo Florêncio, a 16.ª Conferência Marketeer serviu para perceber melhor como é que as marcas estão a gerir o mundo híbrido no sentido de se aproximar ou continuar a ter uma ligação com os clientes (potenciais e actuais) e stakeholders. Todas as marcas e empresas presentes conseguiram mostrar como têm conseguido, ao longo da pandemia, adaptar-se e transformar-se.

Recorde  os testemunhos dos oradores convidados do evento:

Marlene Gaspar (LLYC): «Tem sido uma aprendizagem contínua»

Joel Pires (Grupo Olivier): «Tivemos claramente de nos reinventar»

Pedro Ribeiro (Dom Pedro Hotels): «Temos de permitir as viagens oriundas de todos os mercados»

Luís Mergulhão (Omnicom): as marcas portuguesas têm uma grande oportunidade

João Lobo (Renascença): «A Rádio é a mola dos media»

Gonçalo Castel Branco (Lohad): «Ainda não se vê luz ao fundo do túnel nos eventos»

Tiago Santos Paiva (WSA): «Os eventos foram banalizados»

Pedro Rodrigues (Desafio Global): «Tenho esperança de que muitos clientes acordem depois do Verão»

Inês Veloso (Randstad): «As pessoas quando voltarem ao escritório não vão ser as mesmas»

Pedro Magalhães (Europalco): «Não podemos desistir»

Sérgio Carvalho (Fidelidade): «O investimento feito à priori em transformação digital foi muito importante»

Bruno Ribeiro (Accenture): «Há que ser ainda mais transparente e claro naquilo que se quer dizer»

Mónica Oliveira (Delta Q): «Potenciámos o tempo passado em casa»

Francisco Viana (CGD): «Acelerámos o investimento no desenvolvimento das nossas apps»

Acompanhe, em baixo, a perspectiva de Ricardo Florêncio na íntegra:

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...