Pinterest: Uma rede social aliada do e-commerce

pinterestUm dos “rebentos” dos social media tem dado que falar. Chama-se Pinterest, é uma rede social que funciona como um álbum de recortes de imagens e, em apenas um mês, conseguiu atingir os 10 milhões de visitantes – o crescimento mais rápido da história da internet, como faz notar o Marketing News. É que, no passado mês de Janeiro, o site conseguiu gerar mais tráfego de referências do que o Google+, o Linkedin e o YouTube juntos! Além disso, é vista por alguns especialistas como uma forma de promover o e-commerce.

“Qualquer empresa interessada no comércio electrónico deve prestar muita atenção à Pinterest”, defendeu Rachel Tipograph, directora de Social Media na cadeia de moda The Gap, citada pela Adweek. A marca apercebeu-se que muitos utilizadores estavam a fazer “pin” – mais ou menos como o “like” do Facebook – nas suas peças. Tanto que a Gap decidiu mesmo criar categorias como “Denim Icons” e “Everybody in Gap”.

De acordo com o Marketing News, o interessante para as marcas acaba por ser a forma como as imagens estão relacionadas com a sua fonte. Se uma utilizadora colocar no site Pinterest a imagem de umas calças da The Gap, sempre que outro internauta veja essa foto pode chegar, através de um único clique, ao website da marca onde se encontra essa peça em concreto.

“Para as marcas que querem ver lucros tangíveis no seu comércio electrónico, a Pinterest pode ser uma ferramenta poderosa”, reforçou John Donahue, director de Estratégia de Negócio na agência de social media Socialistic.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Automonitor
Maratonas condicionam trânsito em Lisboa (conheça as vias afetadas)