PepsiCo quer 50% de plástico reciclado nas garrafas em 2030

A PepsiCo tem como objectivo atingir a quota de 50% de plástico reciclado (rPET) nas suas garrafas em 2030 na União Europeia (UE). Como objectivo intermédio, a multinacional espera chegar aos 45% em 2025.

Ao estabelecer esta meta, a empresa compromete-se a utilizar mais do triplo de plástico reciclado nas suas garrafas comparativamente à actualidade, o que equivale a mais de 50.000 toneladas de garrafas de plástico.

O objectivo da PepsiCo abrange todos os países membros da União Europeia em 2025 (excluindo o Reino Unido que não será coberto por este objectivo, mas que já tem um objectivo em vigor no rPET através de assinatura no Plastics Pact) e todas as suas marcas de bebidas em PET incluindo a Pepsi, Pepsi MAX, 7Up, Tropicana e Naked. Este objectivo será aplicado nas operações de bebidas próprias e franchisadas.

Segundo informações disponibilizadas pela PepsiCo, em 2017, a empresa utilizou aproximadamente 13% de embalagens rPET nas suas operações de bebidas na UE.

«Na PepsiCo levamos muito a sério as nossas responsabilidades com o meio ambiente e estamos firmes no nosso compromisso de encontrar formas sustentáveis de criar os nossos produtos», afirma Silviu Popovici, presidente da PepsiCo Europa e África Subsaariana. No entanto aproveita para deixar um recado: «Desenvolver uma abordagem eficaz e de longo prazo para um packaging sustentável requer um esforço multifacetado e a PepsiCo compromete-se em colaborar com as diferentes partes interessadas que pretendam envolver-se para garantir o sucesso de uma economia circular para plásticos no futuro. Devido à fraca capacidade de fornecimento de plástico reciclado apropriado ao packaging para alimentação, apelamos aos agentes do sistema de reciclagem, tanto do sector público como do privado, incluindo a Comissão Europeia, que se juntem a nós e que façam os investimentos necessários para expandir a capacidade de reciclagem. Se for feito o progresso adequado que permita aumentar as taxas de recuperação das embalagens e melhorar a tecnologia de reprocessamento, ambicionaremos ir ainda mais longe do que o nosso objectivo actual.»

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
Câmara de Lisboa vai contratar mais de 500 pessoas em diversas áreas
Automonitor
Escapadinhas: Avis lança a campanha “Weekend XXL”