Novo vinho da Kopke apresenta-se ao mercado através de uma prova virtual

O segundo vinho a nascer da edição limitada Winemaker’s Collection da Kopke não teve uma apresentação ao mercado nos moldes habituais. O novo coronavírus obrigou a uma mudança de planos que fez com que o produtor optasse por um lançamento virtual mas que, ainda assim, teve direito a prova.

O Rosé Reserva – Tinto Cão 2019 foi o protagonista de um evento que a Kopke diz ser pioneiro: “Em Portugal, face às circunstâncias actuais, este foi o primeiro vinho a ser lançado através de um evento inédito, numa sala virtual, onde os convidados de várias áreas do sector tiveram a oportunidade de interagir numa conversa à volta do vinho com prova do mesmo”.

A Kopke adianta ainda que este é o primeiro rosé a integrar a colecção exclusica de vinhos que o enólogo Ricardo Macedo tem vindo a desenvolver para a marca. O vinho foi elaborado a partir da casta Tinto Cão, proveniente de uma vinha no Cima-Corgo, no Douro, situada a 400 metros de altitude e com cerca de 30 anos.

Caracateriza-se, segundo a o produtor, por apresentar um cacho pequeno e película densa e de maturação tardia. Estas características permitem atingir “níveis de acidez muito interessantes que conferem uma excelente frescura a este rosé”.

Quanto ao resultado final, Rosé Reserva – Tinto Cão 2019 apresenta-se como um vinho de cor salmão, “aromaticamente elegante, que cativa pelo bouquet de frutas frescas como a groselha e a romã”. Tem taninos sedosos e cremosidade, terminando longo e fresco.

Por ser um bom acompanhamento de pratos de peixe grelhado, salmão fumado ou camarão, o evento de lançamento do vinho propunha que os participantes harmonizassem com conserva de cavala em azeite picante.

Existem apenas 2.541 garrafas de 750ml deste Kopke Winemaker’s Collection Rosé Reserva 2019. Todas elas estão numeradas e assinadas.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...