Lidl e Apple lideram Agency Scope Portugal 2019/20

Tendo por base as campanhas de comunicação e publicidade desenvolvidas, Lidl é a marca mais destacada pelos anunciantes em Portugal. Logo depois surgem a Nos e a Vodafone, fazendo com que as telecomunicações estejam em evidência no ranking nacional desenvolvido pela Scopen. O antigo Grupo Consultores elaborou um relatório onde dá conta dos profissionais, agências e marcas que mais se destacaram ao longo do último ano, segundo os profissionais da área.

De acordo com o “Agency Scope 2019/20”, Super Bock, Meo IKEA, McDonald’s, Turismo de Portugal e Continente ocupam as posições seguintes na lista. Netfilx e Sumol partilham o 10.º lugar.

Na vizinha Espanha, por exemplo, IKEA é a marca que lidera, à frente de Campofrio, Audi, Netflix e Loterías Y Apuestas del Estado. No Reino Unido, por outro lado, o top 5 é composto por Nike, John Lewis, KFC, Audi e Guinness.

No ranking das empresas mais admiradas pelo marketing, é a Apple que surge em primeiro lugar. Logo depois, aparecem a Nike, Lidl, Super Bock. Vodafone, Coca-Cola, Delta Cafés, EDP e L’Oréal. O 10.º lugar é partilhado pela Google, Nos, Netflix e IKEA.

Passando para os profissionais de marketing mais admirados pelos seus pares, em Portugal, Tiago Simões (Continente), Filipa Appleton (Lidl) e Rita Torres Baptista (Nos) conquistam o topo da tabela.

Seguem-se Leonor Dias (Vodafone), Paulo Campos Costa (EDP), Joana Garoupa (Galp), Inês Lima (McDonald’s), Jorge Aguiar (Mercedes-Benz) e Filipe Bonina (Central Cervejas). Helena Gouveia (IKEA), Inês Condeço (FNAC) e Susana Coerver (Parfois) fecham o top 10.

Por outro lado, o top 5 dos profissionais mais admirados das agências criativas é liderado por Nuno Jerónimo (O Escritório). O responsável aparece logo seguido por Edson Athayde (FCB Lisboa), Tomás Froes (Partners), Miguel Barros (Havas Group) e Diogo Anahory (Bar Ogilvy).

No campo das agências de meios, Sandra Alvarez Baptista (PHD) leva a taça. Os lugares seguintes pertencem a Luís Mergulhão (Omnicom Media Group), Francisco Teixeira (Initiative), Bernardo Rodo (OMD) e Rita Amzalak (Havas Media).

O estudo “Agency Scope 2019/20” revela ainda que Bar Ogilvy é a agência criativa com maior notoriedade espontânea, à frente de O Escritório e Partners. Quando o critério é atractividade, a ordem inverte-se e O Escritório surge em primeiro lugar, com a Bar Ogilvy e a Partners logo depois.

O pódio das agências de meios com níveis mais elevados de notoriedade espontânea, por outro lado, é liderado pela Havas Media, seguindo-se OMD e Initiative. Em termos de atractividade, Havas Media também aparece em primeiro lugar, com a Initiative e Carat nas posições seguintes.

Quando o critério é avaliação do mercado, Havas é a melhor agência criativa e Havas Media a melhor agência de meios. Quando são os clientes a avaliar, Bar Ogilvy é a melhor na criatividade e a PHD no planeamento de meios.

No total, o estudo da Scopen é elaborado em 11 países. Em Portugal, foram realizadas 148 entrevistas com 140 anunciantes, avaliadas 41 agências criativas, 13 agências de meios e 268 relações agência-anunciantes. Foram analisadas também 166 marcas.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...