Investidores processam Porsche por fiasco na fusão com a Volkswagen

porscheUm grupo de fundos de investimento processou a Porsche SE em dois mil milhões de euros, numa tentativa legal de recuperar as perdas resultantes do processo falhado de aquisição da congénere Volkswagen, que remonta a 2008.

Segundo o Financial Times, a queixa foi apresentada na passada quinta-feira, 29 de Dezembro, num tribunal em Estugarda, onde a fabricante automóvel está sediada.

De acordo com a mesma fonte, os custos inquantificáveis dos potenciais danos ligados aos vários processos legais contra a companhia germânica forçaram a Volkswagen a suspender, em Setembro de 2011, os planos de fusão com a Porsche SE. Esta holding, que detém a maior parte das acções da Porsche, ficou à beira da falência após o fiasco de 2008.

Segundo o Financial Times, que cita uma fonte ligada ao processo, são sete os fundos de investimento que apresentaram a queixa: Elliott Associates, Elliott International, The Liverpool Limited Partnership, Perry Partners, Perry Partners International, DE Shaw Valence International and York Capital Management Europe (UK) Advisors.

Em reacção, a Porsche afirma não ter sido ainda notificada oficialmente da queixa, mas rejeita à partida as acusações. “As acusações mencionadas não são novas e nós rejeitamo-las”, disse um porta-voz da companhia alemã, citado pela agência Reuters.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...