Inspirada no Japão, há uma nova marca de streetwear portuguesa

Kintsugi é o nome da nova marca de streetwear portuguesa, inspirada na arte centenária japonesa de reparação de cerâmica.

Essa técnica preenche as lacunas de uma peça cobrindo-as com resina misturada com pó de ouro, prata ou platina. Segundo a marca, o objectivo é enfatizar as imperfeições de um objecto mas passar a mensagem de que, mesmo com defeito ou quebrado, existe vida e beleza além das “cicatrizes”.

Lançada pelos portugueses Ruben Mangorrinha e Luís Serrano, o objectivo da marca passa por transportar esta filosofia de vida através de estampados com o mote “aceitar a imperfeição”.

«A filosofia ligada ao kintsugi pode ser aplicada à nossa vida atual, cheia de anseios pela perfeição. Com o tempo, conhecemos falhas, decepções e perdas. Mas pretendemos esconder a nossa natureza frágil, que nos torna mais humanos e autênticos, sob a máscara da infalibilidade e do sucesso. Escondemos os defeitos, embora tenhamos defeitos desde que nascemos», afirma Ruben Mangorrinha.

Por sua vez, Luís Serrano afirma: «o mundo actual acostumou-se a camuflar as fragilidades: seja pelo sorriso mascarado ou, principalmente, por qualquer filtro nas redes sociais, queremos mostrar com a nossa marca que as fragilidades fazem parte de todos nós e que devemos encará-las como algo inato no ser humano.»

A primeira colecção da marca é composta por hoodies, t-shirts e bonés. As t-shirts são produzidas com algodão orgânico sem pesticidas, fertilizantes e químicos.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...