Euro RSCG, Brandia e BBDO lideram ranking da APAP

ApapA Associação Portuguesa das Agências de Publicidade, Comunicação e Marketing (APAP) voltou a centralizar os dados dos seus associados de maneira a elaborar o ranking do sector. Tal como em anos anteriores, o ranking de 2010 dos Associados da APAP foi elaborado com base na IES (Informação Estatística Simplificada) e ordenado com base em três factores distintos – Volume de Negócios, Resultados antes de Impostos, Juros e Amortizações (EBTIDA) e número de colaboradores.

«Ao elaborarmos este ranking, deparámo-nos com dados e informações que, de alguma forma, nos comprovaram algumas reflexões sobre o que está a acontecer na nossa indústria, publicidade em sentido lato», diz a APAP em comunicado. Entre esses dados a APAP questiona-se até quando as agências vão conseguir sobreviver, com o volume de negócios a descer (9% em 2009 e 9% em 2010) e até quando as agências vão conseguir manter qualidade de serviço, com o seu EBITDA a descer (59.3% em 2009 e 30.1% em 2010). Isto porque, segundo a APAP esta é uma questão de “pescadinha de rabo na boca”: “Menos diferenciação de produtos e serviços, mais preço e menos marca, menos investimento em comunicação, menos qualidade de serviço e de profissionais, menos qualidade da comunicação, menos diferenciação de produtos e serviços…”

A APAP admite que há cada vez mais formas de chegar ao consumidor, que são cada vez mais fáceis e mais baratas. Mas, por isso mesmo, sublinha, “cada vez há mais ‘ruído’. Só um trabalho de competência e eficácia garante que ‘lá se chega’, efectivamente”. Daí que a APAP sugira que os anunciantes falem com as suas agências sobre este assunto: “Claro que interessa saber por ‘quanto se compra’. Mas não será mais importante saber ‘o que se está a comprar’?” Na perspectiva da APAP há que saber quem são os interlocutores, qual o seu background pessoal e profissional, quais são os trabalhos desenvolvidos, que resultados tiveram, como podem “completar” a estrutura interna do anunciante…

Recorde aqui o ranking da APAP referente aos dados de 2009. E fique a saber em baixo quais as posições que cada um ocupou em 2010.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...