Empresas procuram comerciais

78781702_rsA Michael Page Comercial & Marketing, empresa consultora de recrutamento, registou um crescimento de 47% durante o primeiro semestre de 2014 face a igual período de 2013, destacando-se os perfis comerciais que representam 70% da facturação de Commercial & Marketing.

Segundo um comunicado da Michael Page, depois de um período marcado pela incerteza económica, surgem os primeiros indicadores que apontam para uma recuperação e expansão dos mercados. Este crescimento deve-se à aposta na internacionalização e entre os mais solicitados destacam-se os perfis comerciais, os quais representam grande parte da facturação da consultora de recrutamento.

O crescimento económico registado na Europa do leste, América Latina e África do Norte e Subsariana implicou a expansão de empresas e de profissionais para estes novos mercados, tendo havido uma maior procura por profissionais com funções especializadas em Exportação. O nível salarial fixo para um Export Area Manager está entre os 40 e os 50 mil euros brutos anuais, ainda que em determinados sectores possa ser superior.

Nuno Troni, Executive Manager da Michael Page Commercial & Marketing, destaca o interesse demonstrado pelas empresas referente aos perfis comerciais. «As empresas clientes têm particular interesse neste tipo de perfil, pois procuram aproveitar as diferentes oportunidades que os novos canais de venda proporcionam. Esta tendência reflectiu-se, durante o primeiro semestre de 2014, num crescimento de 14% do total de processos da divisão de Commercial & Marketing da Michael Page», refere.

Através de uma análise realizada pela Michael Page aos processos de recrutamento do primeiro semestre de 2014, verificou-se que apenas 10% dos projectos consideraram a selecção de um profissional comercial sem experiência prévia sobre o sector da empresa cliente.

No que diz respeito ao número de posições comerciais disponíveis, a maior parte encontra-se no sector de Grande Consumo e Retalho (24%). Ainda assim registou-se um aumento de 20,4% no sector dos Serviços na procura de profissionais qualificados, em comparação com o período homólogo no ano anterior. Já o sector da Indústria registou um crescimento de 12,1%. Outros sectores em franco crescimento, como as Tecnologias de Informação e Logística representam 18% do total das oportunidades disponíveis.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
O impacto da Inteligência Emocional nas empresas
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo