E se dormisse no topo do carro?

Acampar a mais de dois metros do chão, em tendas com colchão integrado, e poder acordar todos os dias num sítio diferente. É esta a proposta da Topo Tents, marca de aluguer de tendas de tejadilho, que quer proporcionar uma outra forma de viajar.

Texto de Daniel Almeida

Não são tendas convencionais, nem são habituais de ver em Portugal, mas poderão vir a popularizar-se junto dos amantes do campismo e de outras actividades outdoor. Pelo menos, é este o objectivo da Topo Tents, startup portuguesa que aluga tendas de tejadilho, isto é, tendas que se instalam (literalmente) no tejadilho do automóvel. As vantagens? Poder acampar em qualquer local acessível em quatro rodas, a uma altura considerável do chão, colocando-se a salvo de animais e da poeira.

Além da segurança, o conforto é outra preocupação dos responsáveis da Topo Tents, razão pela qual todas as tendas vêm acompanhadas de um colchão de espuma de alta densidade, com seis centímetros de espessura. Além disso, as janelas têm rede mosquiteira e o serviço inclui uma escada telescópica de alumínio para poder subir até à tenda.

Mas estes não são os únicos argumentos da Topo Tents para convencer os mais aventureiros ou até os curiosos que nunca acamparam mas gostariam de experimentar. «Em relação às tendas convencionais, as de tejadilho apresentam diferenças relacionadas com a portabilidade, segurança e funcionalidade. São mais robustas, de materiais resistentes e confortáveis, pois incluem um colchão alto que convence os mais avessos ao campismo. E são fáceis de montar: uma pessoa sozinha consegue montá-la e desmontá-la em menos de dois minutos», garante António Lobo, co-fundador da Topo Tents. «A escolha do melhor terreno deixa de ser um problema, pois basta ter o carro minimamente nivelado para acampar, mesmo que seja em cima de lama ou de pedras», acrescenta, lembrando ainda que a pequena janela no tecto das tendas permite «adormecer a ver as estrelas».

De acordo com o responsável, esta é uma proposta «low-cost, segura, prática e cool» para todos os amantes do outdoor e da natureza, como surfistas ou festivaleiros. As tendas poderão ser instaladas em qualquer viatura – desde que equipada com barras de tejadilho – e poderão ser reservadas para duas ou três pessoas. Os preços começam nos 24,50 euros por noite, sendo que a montagem e desmontagem das tendas poderão ser agendadas numa das três oficinas que a marca dispõe até ao momento, localizadas em Lisboa, Vila Nova de Gaia e Chaves.

De África para Portugal

António Lobo (formado em Economia) e José Maria (Engenharia Mecânica), os co-fundadores da Topo Tents, viveram e trabalharam durante mais de 10 anos em Moçambique. Ambos já conheciam o conceito de tenda de tejadilho, sobretudo pelas idas regulares que faziam à África do Sul, país onde este tipo de tendas é muito popular. «Os africanos têm uma relação com a natureza muito próxima e muito mais descomplexada do que nós (europeus). Em particular os bóeres (africanos não nativos) demonstram uma necessidade enorme de contacto permanente com a natureza e, por isso, é muito comum ver uma família a dormir na savana em cima do seu carro com uma ou duas tendas como as nossas – chamam-lhes rooftop tents», explica António Lobo.

Em 2017, antes de regressarem a Portugal, tiveram a ideia de criar um negócio de aluguer de tendas de tejadilho no mercado nacional. A ideia inicial passava por garantir a representação de uma marca já estabelecida noutros mercados, mas rapidamente perceberam que a melhor opção seria criar uma marca própria. «Umas centenas de horas de brainstorm depois, nasceu a Topo, uma marca portuguesa que oferece a qualquer pessoa a possibilidade de se aventurar com o seu próprio carro, dormir a ver as estrelas e acordar a ver o mar», frisa o sócio.

Nesta fase inicial, a procura pelas tendas da Topo Tents superou as expectativas da marca, que só em Agosto passado ultrapassou as 600 noites vendidas, um «número muito acima do que tínhamos previsto, em particular tratando-se de um ano piloto, apenas com uma oficina [na altura, a de Lisboa] e com uma capacidade instalada insuficiente para as reservas solicitadas. Estivemos constantemente fully booked», revela António Lobo, adiantando que a marca prepara-se para aumentar a capacidade instalada de cerca de 50 tendas para mais de 200 unidades disponíveis para aluguer. As diversas solicitações para a aquisição das tendas levou ainda os responsáveis da marca a passarem a disponibilizar esta opção.

Ligar a “Route 66” portuguesa

Se os portugueses são o core target da Topo Tents, a marca pretende também chegar a turistas estrangeiros, não apenas os que se deslocam ao nosso País na sua própria viatura, mas também os que chegam de avião. Nesse sentido, associou-se à empresa de aluguer automóvel Hertz para o desenvolvimento do serviço de aluguer de tendas rooftop Campers, um projecto que foi apresentado durante o Meo Rip Curl Pro, em Peniche. Assim, é agora possível, através da Hertz, alugar um automóvel equipado com uma tenda de tejadilho da Topo Tents. O serviço está disponível a partir de 44 euros/noite no aluguer de dois modelos da marca Jeep (Compass e Renegade).

De resto, as parcerias foram determinantes para dar a conhecer as tendas da marca, assim como poderão vir a ser importantes para mitigar a sazonalidade do negócio. Além da Hertz, a Topo desenvolveu parcerias com a EDP, Via Verde, Automóvel Club de Portugal (ACP), Festicket e Música no Coração – as tendas da marca estiveram presentes nas últimas edições do Meo Sudoeste e Super Bock Super Rock. Além das parcerias, a marca tem vindo a comunicar, sobretudo através das redes sociais, sendo que o Instagram é responsável por cerca de metade das vendas.

«Estamos também a aproveitar a época baixa, que vem a calhar, para preparar o ano atribulado que se avizinha, para o qual temos grandes planos e objectivos arrojados», adianta António Lobo. Nesses planos está a expansão internacional da Topo Tents, tendo identificado como prioridades Espanha e o Sul de França, mas também a abertura de novas oficinas em Portugal, nomeadamente em Faro, Ericeira, Ponta Delgada e Funchal. Com a oficina em Chaves já em funcionamento, a abertura de um espaço no Algarve permitirá à Topo Tents ligar as duas extremidades da Estrada Nacional n.º 2 (EN2), conhecida como a “Route 66” portuguesa. «A abertura destas oficinas vai oferecer a capilaridade que desejamos para este negócio, complementando a oferta que actualmente temos. Ou seja, os nossos clientes poderão instalar uma Topo no quilómetro zero da EN2 [em Chaves] e desinstalar no quilómetro 738, em Faro, no final da aventura», conclui o responsável.

Artigo publicado originalmente na Marketeer n.º 281, em Dezembro de 2019.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...