Do desinfectante ao rolo de papel que já acabou: os emojis do COVID-19

O novo coronavírus tem servido de inspiração a alguns designers que encontram na criatividade um escape para a quarentena e isolamento social. Foi o que aconteceu com Jure Tovrljan e é também o que está a acontecer com Ji Lee: o primeiro reinterpretou os logótipos de algumas das marcas mais conhecidas do Mundo; o segundo propõe um conjunto de novos emojis.

Perante a corrida aos supermercados e, mais concretamente, ao papel higiénico, Ji Lee decidiu criar um emoji que representa um rolo de papel já vazio. Desenhou também um frasco de desinfectante, duas mãos a serem lavadas, luvas de borracha, duas pessoas com a devida distância de segurança e, ainda, o próprio vírus.

«Acredito que aquilo que o mundo atravessa actualmente é um grande momento na História, que terá um impacto profundo na forma como as pessoas se comportam, comunicam e entendem a realidade», conta Ji Lee, em entrevista à Fast Company. Com isto em mente, explica, considerou ser necessário criar um novo set de emojis que reflectissem o novo paradigma.

O designer desenhou também um emoji que representa o isolamento (uma pessoa dentro de casa), um sinal de “fechado” e outro de “não ao racismo”. Segundo Ji Lee, os emojis são um meio divertido, mas os símbolos que criou representam tópicos globais muito sérios.

«O humor é uma parte muito importante da nossa vida, que nos ajuda a ultrapassar momentos difíceis. Se isto de alguma forma fizer as pessoas sorrirem por um momento durante o dia, ficarei feli», acrescenta o designer.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...