Delta é “O Café da Sua Vida”?

Três gerações da família Nabeiro – o Comendador Rui Nabeiro e os administradores João Manuel Nabeiro e Rui Miguel Nabeiro – reuniram-se esta manhã numa conferência de imprensa para apresentar a nova imagem da Delta Cafés. Um momento que o fundador da empresa definiu como «de grande importância para a Delta Cafés», uma empresa que, nas suas palavras tem apostado em ser «humilde, transparente e social».

A estratégia, resumiu o seu neto Rui Miguel Nabeiro, tem passado pela conquista de novos mercados, uma ambição que está longe de estar terminada. «Queremos mais!» Até porque, segundo disse, se neste momento estão já em 35 países directamente ou via distribuidores, o objectivo passa por estar em mais 10 países até ao final de 2014. Países esses, disse à margem da conferência, que estarão em geografias europeias e asiáticas. E se neste momento 25% do volume de negócio de Delta Cafés é proveninete de mercados internacionais (metade desse valor oriundo de Espanha que cresceu este ano cerca de 20%) a ambição é chegar aos 30% já no final do próximo ano (2013).

Daí o local escolhido para a revelação dos mais recentes passos da Delta Cafés: o Torreão Nascente, no Terreiro do Paço, em Lisboa. «Era o local de muitas trocas comerciais e foi um simbolismo ao qual nos quisemos associar», explicou Rui Miguel Nabeiro que iniciara a sua intervenção mostrando que as marcas estão cada vez mais globais.

Coube a João Manuel Nabeiro, filho do fundador, a tarefa de revelar aquela que agora é a nova imagem da Delta Cafés e que permite a «uniformização de toda a marca pelo mundo fora». Uma marca que, segundo assegura, implicou meses de estudo, reflexão e concretização num trabalho que envolveu não só a equipa da Delta Cafés, como também a Ivity Brand Corp e a Cunha Vaz & Associados.

A nova imagem e assinatura – “O Café da Sua Vida” – recorrem ao passado para construir o futuro, reforça João Manuel Nabeiro lembrando a anterior assinatura: “A verdade do Café”. Agora a imagem reforça a presença do triângulo e recupera as maiúsculas no lettering de maneira a passar valores como universalidade, modernidade e interncaionalidade associados ao facto de ser uma empresa de família, diz o administrador. Já a assinatura assenta «no território da qualidade, sendo assertiva, intemporal, sólida e emocional», garante

Pela primeira vez na sua história a Delta Cafés terá uma marca global mas também produtos globais. Assim o lote Diamante, por exemplo, dará origem ao lote Diamond, o lote Platina passa a Platinum e é criada a nova referência Grand Aroma.

Escusando-se a revelar o investimento total nesta mudança de imagem, João Manuel Nabeiro refere que «o investimento será contabilizado a médio prazo» já que há mais de 100 referências a serem tratadas, mas que «não foi um investimento muito elevado». Ainda assim, assegura, o sector retalhista será o que terá maior investimento em termos de comunicação.

Texto de Maria João Lima

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

Multipublicações

Human Resources
O Jim não é humano mas já é o melhor recrutador do maior banco de Singapura
Automonitor
Escapadinhas: Avis lança a campanha “Weekend XXL”