De Spike Lee a Lin-Manuel Miranda: Rolex lança programa de mentoria

Já arrancou a mais recente edição do Programa Rolex, através do qual a relojoeira suíça pretende unir mentores e discípulos de diferentes áreas artísticas. Para 2020-2021, os temas a abordar serão cinema, teatro e artes visuais, havendo ainda espaço para uma categoria aberta (disciplina varável).

Spike Lee (Cinema), Phyllida Lloyd (Teatro), Lin-Manuel Miranda (Categoria Aberta) e Carrie Mae Weems (Artes Visuais) são os mentores convidados pela Rolex. Cada um deles terá sob a sua alçada um discípulo ao longo dos próximos dois anos, sendo o objectivo trocar ideias, experiências e conhecimento. No fundo, fomentar uma interacção entre gerações, que também vai além das fronteiras geográficas.

«Na Rolex, temos sido privilegiados por, durante quase duas décadas, dezenas dos artistas mais influenciadores terem cedido o seu tempo e experiência ao Programa Rolex», comenta Rebecca Irvin, directora da iniciativa.

«Os quatro novos mentores, que se juntam à comunidade de grandes criativos da iniciativa, abriram novos caminhos nas suas respectivas áreas e aguardamos com expectativa o impacto que terão sob os seus discípulos, à medida que transmitem a sua devoção à sua arte neste intercâmbio intergeracional», acrescenta a mesma responsável, em comunicado.

O Programa Rolex existe desde 2002, tendo já reunido 54 dos artistas de renome e talentos emergentes de todo o mundo. Na edição anterior, as áreas artísticas abordadas tinham sido arquitectura, dança, literatura e música.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...