Sabe como instalar a cadeira do seu filho no carro? E quando passar para o assento elevatório?

A compra de uma cadeira de criança para o automóvel pode suscitar dúvidas aos pais. O mesmo acontece com a sua correcta utilização. A Deco Proteste reuniu as dúvidas mais frequentes sobre este equipamento.

Se precisa de comprar um modelo, consulte os resultados dos testes:

VER TESTE A CADEIRAS AUTO

 

Para garantir que, após comprar a cadeira, esta é bem instalada no carro, a Deco Proteste explica, a seguir, como garantir que tudo fica correcto. Embora todas tragam instruções que convém seguir, não variam das que apresentamos. Instale e retire a cadeira do carro uma ou duas vezes, antes de ir buscar a criança à maternidade, para tornar a operação mais rápida e sem risco de erros, quando tiver o bebé consigo. A instalação difere consoante a cadeira tenha ou não uma base Isofix.

Prender a cadeira com as fixações Isofix

 

Coloque a base em cima do banco e aponte os conectores para os encaixes Isofix. Empurre até ouvir um clique. Ajuste a altura do pé.

Confirme que os encaixes Isofix estão bem instalados e trancados e que mostram a cor verde.
 

Acomode o bebé na cadeira, instale-a na base e certifique-se de que se encontra bem fixa.

Prender com o cinto do carro

 

Numa superfície plana, sente o bebé na cadeira e prenda o arnês. Instale a cadeira no banco do carro, virada para trás, no sentido contrário ao da marcha do veículo. Passe a parte abdominal do cinto de segurança pelos encaixes laterais do assento. Prenda o cinto (1) e puxe, para ficar bem justo (2).
De seguida, passe a parte diagonal do cinto pela traseira da cadeira, inserindo-o no encaixe existente. Mais uma vez, puxe o cinto, para ficar esticado.

 

A Deco Proteste tem provado com os testes que realiza que nem todos os modelos que se instalam virados para trás apresentam um nível de segurança aceitável. Tal como nem todos os modelos que ficam virados para a frente têm o pior nível de segurança. Não faz sentido aconselhar uma posição em detrimento da outra.

No entender da Deco Proteste, e porque os acidentes não ocorrem todos do mesmo modo, o mais importante é optar por cadeiras que apresentem um elevado nível de segurança global, tanto ao nível da colisão frontal como da lateral. Para tal, só os resultados dos testes revelam o desempenho real de um modelo.

Qual é a altura certa para retirar o redutor para recém-nascidos do ovo?

O redutor serve para ajudar a ajustar melhor o bebé à dimensão do ovo nas primeiras semanas de vida. Deve ser retirado quando todo o sistema se apresentar muito justo, sobretudo junto à cabeça da criança. Certifique-se ainda de que a cabeça não balança muito quando o bebé é transportado sem o redutor. Também o arnês deve ser ajustado à estatura da criança, de modo a ficar no ponto acima do ombro.

A passagem de uma cadeira de um determinado grupo para o grupo acima deve realizar-se o mais tarde possível. Tal significa que a criança, independentemente do peso ou da idade, deve manter-se na cadeira até o conforto ser afectado por ficar apertada na zona dos ombros ou da anca ou porque a cabeça fica acima das protecções. No caso do ovo, a criança deve deixar de o usar quando já não consegue sentar-se bem ou a cabeça passa os limites superiores da cadeira.

 

Segundo as regras do trânsito, as crianças até aos 3 anos, desde que viajem num sistema de retenção adequado, podem ser transportadas no banco de trás ou da frente. Mas, nesta última situação, o airbag do banco do passageiro tem de estar desligado. Se não for possível desactivar, o transporte terá de ser no banco de trás, mas sempre de costas para a estrada, por ser a forma correcta de instalar os modelos do grupo 0/0+.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...