Bananas solitárias procuram um novo lar

Já se cruzou com uma banana solitária no Continente? Embora possa não parecer, trata-se de uma história feliz: a cadeia de supermercados da Sonae MC está a juntar todas as bananas que, por alguma razão, se perderam do seu cacho e a destacá-las com a ajuda de um cartaz que diz “Estou só. Leve-me consigo”. A ideia é combater o desperdício alimentar chamando a atenção para estas peças de fruta sem par.

A explicação para este fenómeno é simples. Muitas vezes, os consumidores acabam por partir os cachos de bananas porque não querem levá-los completos para casa. O cliente que vem a seguir tem tendência para fazer o mesmo em vez de aproveitar as unidades que sobraram da pessoa anterior.

A iniciativa que promete resolver este problema começou por ser testada em apenas algumas lojas mas já está, actualmente, em todos os supermercados Continente e Continente Modelo em Portugal Continental. «É uma iniciativa permanente. As bananas foram identificadas como o produto com maior quebra em loja. Muitas vezes os clientes partem os cachos para levar apenas a quantidade pretendida e as bananas ‘sozinhas’ acabam por não ser compradas. O objectivo deste projeto é incentivar a compra da banana sozinha, reduzindo o desperdício alimentar», conta Pedro Lago, director de Projectos de Sustentabilidade, à Marketeer.

De acordo com o responsável, os resultados desta aposta têm sido muito positivos, uma vez que foi possível recuperar em 25% a quebra da banana importada em 2019 face a 2018.

Sobre a possibilidade de alargar a iniciativa a outros frutos, Pedro Lago adianta que estão a «trabalhar no desenvolvimento de uma caixa 0% desperdício, que consiste na venda de caixas de 5Kg com frutas e legumes que se aproximam do fim do seu valor comercial, pelo preço de 0,50 euros o quilo». Este novo projecto está em fase piloto em oito lojas.

Texto de Filipa Almeida

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...