App Phenix suspende comissão para apoiar restauração em Portugal

Os cafés e restaurantes terão de encerrar portas novamente já amanhã, ficando apenas a possibilidade de servirem para take-away ou entregas ao domicílio. Para apoiar o sector nesta fase de novo confinamento (para já, com duração de 15 dias), a Phenix decidiu suspender a comissão cobrada pela venda dos cabazes de excedentes alimentares que são disponibilizados através desta aplicação móvel.

A medida da Phenix entra em vigor já hoje, dia 14, e prolonga-se durante duas semanas. De acordo com a app, serão abrangidas as lojas que já eram parceiras mas também todos os estabelecimentos que adiram à Phenix durante este período.

A suspensão da comissão significa que os comerciantes ficam com a totalidade do dinheiro que resulta das vendas dos seus excedentes alimentares. Neste momento, são mais de 700 os parceiros da Phenix em Portugal.

«Permitiremos que os comerciantes presentes na aplicação beneficiem de um lucro adicional na venda dos seus excedentes diários, eliminado a nossa margem de lucro, na sua totalidade. Este é, no nosso entender, um sinal importante que damos não só à sociedade, mas também a todas as empresas que operam no sector, relembrando que em tempos como estes, a solidariedade conta mais que nunca», afirma Frederico Venâncio, director-geral da Phenix em Portugal.

Em comunicado, o responsável sublinha que se, depois da crise, o sector comercial estiver destruído, será mais difícil para todos. «Temos de estar unidos em tempos como estes, ajudando e apoiando na medida do possível», acrescenta.

Durante este mês, a Phenix vai também promover campanhas de apoio a instituições que ajudem famílias afectadas pela pandemia, através da atribuição de cabazes alimentares compostos por excedentes. A plataforma ainda não fechou os moldes desta iniciativa, mas Frederico Venâncio garante que a comunidade será envolvida, havendo, por isso, uma aposta nas redes sociais: «Queremos contar com a palavra dos nossos seguidores e utilizadores, na escolha das instituições que queremos ajudar. Iremos fazer um apelo social nesse sentido.»

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...