WORTEN LANÇA PROJECTO “ARREDONDA”

1603A Worten, em parceria com a SIC e a Humanitas, irá lançar o projecto “Arredonda”, uma acção de responsabilidade social que entra em vigor já a partir de segunda-feira, dia 23. Com base no lema “Este Natal, para ajudar basta arredondar”, os portugueses são convidados a arredondar o valor do seu talão de compra, contribuindo, assim, para a Humanitas, uma instituição de apoio às pessoas com deficiência mental.

 

Com efeito, através deste projecto, os clientes podem arredondar o preço do(s) artigo(s) que compra(m) nas lojas Worten. Por exemplo, um presente no valor de 49 euros pode ser arredondado, na linha de caixa, para os 50 euros, revertendo o valor arredondado a favor da Humanitas.

 

A associação da Worten a este projecto – que se estreia em Portugal – surge naturalmente, sendo conhecida a preocupação da marca pelas causas de natureza social. Agora, com o “Arredonda” a Worten dá seguimento à sua estratégia de sustentabilidade, apoiando um projecto de grande dimensão, que se propõe, através da Humanitas, a minorar as carências das instituições que dão apoio às pessoas com deficiência mental.

 

Para Nuno Rodrigues, director de marketing da Worten, “é com grande satisfação que nos associamos à SIC e à Humanitas para dar vida ao projecto “Arredonda”. Na realidade em que vivemos, as acções de responsabilidade social tem um papel cada vez mais importante, pelo que procuramos, sempre que possível, assumir um papel proactivo no apoio a estas causas. Este responsável acrescenta ainda que “as nossas expectativas são as melhores, uma vez que os portugueses costumam a aderir muito facilmente a este tipo de iniciativas“.

 

De referir que, independentemente dos fundos recolhidos nesta acção, que estará em vigor até 30 de Dezembro, a Worten irá oferecer, desde já, à Humanitas, 25 mil euros para a aquisição de uma viatura. Esta doação prende-se com o facto de a deslocação das pessoas com deficiência mental ser ainda um tema delicado, cuja resolução não tem sido fácil, havendo muito para fazer na sociedade portuguesa.

 

Famosos solidários

O “Arredonda” conta com a colaboração de vários rostos conhecidos – por exemplo, Fátima Lopes, Raquel Strada, Pedro Lamy, André Sardet, João Manzarra e Ricardo Pereira -, que irão ajudar a passar a mensagem, chamando a atenção dos portugueses para o tema da deficiência.

 

Exactamente para chegar mais facilmente à população foi criado também um hino do “Arredonda”, no qual vozes tão conhecidas como as de Luís Represas, Olavo Bilac, José Manuel (Fingertips), Ana Marques e José Diogo Quintela irão reproduzir musicalmente o lema deste projecto: “Neste Natal, para ajudar basta arredondar.”

 

Lisboa, 20 de Novembro de 2009

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...