Vendas online de bens de saúde e beleza crescem no Natal

Os produtos e serviços de saúde e beleza foram os mais vendidos no último mês e meio nos sites de descontos nacionais, de acordo com um estudo da Yunait, agregadora de promoções e descontos disponíveis na internet.

Entre 1 de Novembro e 17 de Dezembro – o período em que foi realizado o inquérito -, as categorias de saúde e beleza representaram 26,7% do total das vendas nos sites de compras colectivas, como Groupon, LetsBonus, Planeo ou Goodlife, contra uma quota de 22% nos meses anteriores. “Enquanto que, no resto do ano, as viagens são o [segmento] mais procurado pelos portugueses, na época de Natal têm-se registado mais vendas em serviços como tratamentos de beleza, massagens, spas, cabeleireiros – mas também em consultas médicas, desde dentistas a ginecologistas”, conclui a Yunait.

Segundo o estudo, a categoria de moda e acessórios foi, ainda assim, a que registou o maior salto nas vendas, tendo passado de 3% nas vendas globais para 8,3% no período que antecede o Natal. Já as vendas de cupões para restaurantes (segmento comer e beber) mais do que duplicaram, de 5,4% para 11,9%.

O estudo revela ainda que os portugueses superam os espanhóis e os italianos no que toca à compra de viagens, roupa e acessórios através dos sites de descontos colectivos. Já os espanhóis recorrem a este canal para adquirir sobretudo refeições, enquanto os italianos procuram mais artigos de informática e electrónica.

No último mês e meio, as viagens foram a categoria onde os portugueses gastaram, em média, mais dinheiro (49,4 euros), seguida dos artigos de desporto e lazer (34 euros) e beleza e saúde (30 euros). A categoria para a qual os portugueses reservam menos orçamento por compra é a dos artigos para casa (24,5 euros).

O estudo da Yunait resultou de um inquérito que abrangeu mais de 60 mil utilizadores de sites de descontos colectivos.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...