UNICEF e Allianz reforçam protecção das crianças em São Tomé

A UNICEF tem vindo a desenvolver um programa, com o apoio da Allianz Portugal, que visa proteger os direitos das crianças. E foi agora reforçado com mais 50 mil euros.

Este programa, protocolado no ano passo com cerca de 100 mil euros, visa requalificar seis Centros de Interacção Jovem e oito Espaços Amigos das Crianças. A requalificação dos seis centros de Interacção Jovem, três dos quais já sofreram intervenções e outros três estão concluídos, resulta num apoio directo ao Instituto da Juventude de S. Tomé e Príncipe, parceiro da UNICEF naquele País.

Esses centros têm o propósito de acelerar a prevenção da gravidez precoce e fortalecer políticas para a promoção da igualdade de género e a capacitação de todas as raparigas. Nos centros, jovens adolescentes grávidas e mães adolescentes, podem dar o seu testemunho e dialogar com outras adolescentes de forma a sensibilizá-las para as reais dificuldades e consequências de uma gravidez nesta idade.

Já os Espaços Amigos das Crianças pretendem identificar, prevenir, aconselhar e orientar as crianças em situações de violência, abuso e exploração nas comunidades mais vulneráveis. O primeiro Espaço Amigo das Crianças foi inaugurado no passado dia 15 de Julho.

«Este é um projecto que nos tem motivado de forma particular, a parceria com a Allianz Portugal ilustra bem o poder de impacto das empresas. Através desta parceria entre a Allianz e a UNICEF em Portugal e em S. Tomé e Príncipe, construímos uma resposta directa de protecção para as crianças e jovens deste país. A resposta criada por este programa é uma resposta pioneira e sólida, é uma resposta de longo prazo que mudará a vida de muitas crianças e jovens», afirma Beatriz Imperatori, directora executiva da UNICEF Portugal.

Teresa Brantuas, CEO da Allianz Portugal, afirma que «apoiar a concretização deste projecto é um grande motivo de orgulho. As crianças e jovens de hoje serão os adultos de amanhã e esta é uma das melhores formas de apoiarmos as gerações futuras de São Tomé e Príncipe. Os Centros de Interacção Jovem e os Espaços Amigos das Crianças são locais de convívio, acompanhamento e aprendizagem. Acima de tudo são espaços recuperados para que as crianças e adolescentes de São Tomé possam viver estas fases das suas vidas com abertura a mais oportunidades e mais apoio ao desenvolvimento do seu futuro», afirma Teresa Brantuas, CEO da Allianz Portugal.

São Tomé e Príncipe é um país caracterizado por uma elevada taxa de fecundidade, com 4,5 filhos por mulher. 52% da população tem menos de 20 anos e quase um terço (31,2 %) é composto por adolescentes e jovens com idades compreendidas entre os 10 e os 24 anos de idade.

Ler Mais
pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...