O que comem os portugueses? Menos açúcar, sal e gorduras

Os portugueses estão mais preocupados com a saúde e essa preocupação estende-se à cozinha. De acordo com dados divulgados pela Kantar Worldpanel, os portugueses optam por confeccionar os alimentos de forma mais saudável (cozidos, crus, frios ou grelhados, por exemplo) em cerca de 50% das suas refeições (almoço e jantar).

Verifica-se também uma redução nos níveis de açúcar, sal e gorduras: a análise nutricional elaborada pela empresa de estudos de mercado indica que os portugueses estão a consumir menos 14% de açúcar, menos 12% de sal e menos 5% de gorduras. Como consequência, a compra de artigos como margarina culinária, sal, açúcar refinado ou refrigerantes caiu. Por outro lado, os portugueses estão a comprar mais mel, frutos secos e óleo de coco, por exemplo.

A Kantar Worldpanel sublinha ainda que os artigos biológicos, os super alimentos e aqueles apresentados como “free from” (ou seja, livres de glúten ou lactose, por exemplo) estão a ganhar peso no dia-a-dia dos consumidores. Os dados disponibilizados no site da empresa apontam também para uma evolução da oferta das marcas nesse sentido, tendo aumentado a preocupação com o natural, a origem dos ingredientes e a transparência da composição de cada produto.

Mas, atenção, saúde não é a única prioridade dos consumidores. Os portugueses procuram alternativas mais saudáveis mas que também sejam saborosas. As marcas que queiram crescer terão de apoiar as suas apostas em três eixos: prazer/indulgência, pronto a comer e biológico. Este último, apresenta um crescimento de 60% e, para já, está presente apenas em 40% dos lares portugueses, pelo que já espaço para continuar a crescer.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...