Time Warner vai separar-se das revistas Time e Fortune

TIME

O grupo norte-americano de media Time Warner anunciou ontem a intenção de fazer o spin-off da filial Time Inc., que publica um total de 21 títulos, incluindo as revistas Time, Fortune, People e Sports Ilustrated. O objectivo passa por criar uma empresa independente e cotada em bolsa.

A operação deverá ser concluída até ao final do ano, e irá resultar na demissão de Laura Lang, CEO da Time Inc. «O spin-off integral da Time Inc. providencia clarividência estratégica à Time Warner, permitindo-nos focar exclusivamente na nossa televisão e nos nossos negócios de produção de programas de televisão e filmes», refere Jeff Bewkes, CEO da Time Warner, citado pela Bloomberg. «A Time Inc. vai também beneficiar do facto de se tornar uma companhia pública, pois irá atrair uma base accionista mais natural», reitera.

Esta será a terceira grande operação de spin-off desde que Jeff Bewkes assumiu o comando da Time Warner, em 2008. A Time Warner Cable, a segunda maior operadora de cabo dos EUA, tornou-se independente em 2009, enquanto o grupo de internet AOL se separou no ano passado.

A Time Inc. reportou uma diminuição das vendas em cinco dos últimos sete anos. No ano passado, as receitas desta divisão caíram 6,6% para 3,44 mil milhões de dólares (cerca de 2,63 mil milhões de euros).

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...