Terra Nostra: regresso às origens com valor

Numa altura em que as dietas sem lactose parecem ganhar a atenção dos consumidores, a Terra Nostra está confiante de que tem um trunfo. O novo Leite de Pastagem apresenta-se como um produto de valor acrescentado, de vacas felizes

Texto de Filipa Almeida

Com uma facturação de 43 milhões de euros em 2015, a Terra Nostra espera encontrar no novo Leite de Pastagem um caminho seguro para o crescimento da marca. A estimativa para um ano completo, sendo que o produto chegou às prateleiras dos supermercados no final de Maio, é de um peso de 20% na facturação total da Terra Nostra.

Para ler o artigo na íntegra consulte a edição de Junho de 2016 da revista Marketeer.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...