Startup portuguesa lança sapatos puzzle

O mais recente modelo da portuguesa Iguaneye resulta de um processo de impressão 3D e funciona como um puzzle. Promete envolver os pés como uma segunda pele, permitindo caminhar em qualquer pavimento como se se estivesse descalço – mas com o conforto de uns sapatos.

Os “Iguaneye Jungle” são compostos por uma sola ergonómica espessa e macia e uma tira de borracha técnica que envolve apenas o dedo grande e o calcanhar. As duas pelas encaixam como um puzzle e mantêm-se, assim, fixados aos pés.

Tal como aconteceu com o primeiro modelo da startup, incubada no UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, também os “Iguaneye Jungle” foram buscar inspiração à Amazónia. Em comunicado, a marca explica que as tribos desta região costumavam mergulhar os pés na borracha líquida das árvores, formando uma camada protectora.

Contudo, se a inspiração vem da América do Sul, a produção acontece no Norte de Portugal. A exportação, por seu turno, já chega a mais de 63 países, tendo a startup atingido os 500 mil euros de facturação.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...