Sogevinus reforça no Douro com compra Quinta da Boavista

A Sogevinus vai reforçar o seu portefólio de referências premium através da compra da Quinta da Boavista. Desde 2013 nas mãos da Lima Smith, a quinta na margem direita do Douro passa agora a pertencer à dona de marcas como Kopke, Velhotes ou Cálem. Ao todo, são 80 hectares que mudam de proprietário, dos quais 36 são de vinha (castas Donzelinho, Tinto Cão e Touriga Nacional).

«Com um legado histórico no Douro e na sequência da estratégia de consolidação de vinhos tranquilos, acreditamos que a aquisição da Quinta da Boavista vem reforçar decisivamente o nosso portefólio de vinhos DOC, nomeadamente no segmento premium», comenta Sergio Marly, CEO do Grupo Sogevinus.

De acordo com o responsável, a Quinta da Boavista «tem sido muito bem-sucedida nos últimos anos no desenvolvimento de vinhos reconhecidos internacionalmente». A expectativa da Sogevinus é, por isso, continuar a produzir grandes vinhos.

O grupo, a operar no mercado desde a década de 1990, conta ainda com as quintas de S. Luiz, Arnozelo e do Bairro também no Douro. O valor da compra do novo empreendimento não foi revelado.

pub


Artigos relacionados
Comentários
A carregar...